Pai de Martínez diz que atleta interessa aos cinco grandes da Argentina

Pai de Martínez diz que atleta interessa aos cinco grandes da Argentina

O presidente Mário Gobbi, do Corinthians, não terá vida fácil para manter o elenco que foi campeão do mundo na semana passada. Além das especulações que envolvem os nomes de Cássio e Guerrero, outro que pode estar de saída do Parque São Jorge é o do meia-atacante argentino Martínez, que teve sondagens de outros clubes confirmada por seu pai, Carlos Martínez.

'Me chamaram os cinco grandes (clubes da Argentina, ou seja, Boca, River, Independiente, Racing e San Lorenzo) perguntando pelo Burrito e o fato de que todos o querem é um orgulho enorme', disse o pai a uma rádio de Buenos Aires, que ainda deu indicativos sobre a vontade do atleta em deixar o clube amigavelmente a partir de uma reunião que o pai tem solicitado junto à diretoria do Timão.

'Primeiro há que saber o que o Corinthians quer fazer e ainda não tenho a confirmação de uma reunião. Seria ridículo que o Corinthians não o ceda a uma equipe que joga a Libertadores.  Em seis meses de empréstimo ele poderá valer o dobro do que pagou o Corinthians', acrescentou.

De fato, até o momento, o único que deve deixar o clube é o meia peruano Cachito Ramírez, que já teria um pré-acordo com a Ponte Preta, além de estar nos planos do Boca Juniors.

Fonte: Marca Brasil

Veja Mais:

  • Bruno Paulo jogará no Santa Cruz até o final de 2017

    Com apenas um jogo pelo Corinthians, atacante é emprestado até o fim do ano

    ver detalhes
  • Rodriguinho marcou o gol da vitória do Corinthians contra o Atlético-GO

    Corinthians se impõe fora de casa, vence Atlético-GO e assume liderança do Brasileirão

    ver detalhes
  • Quase a totalidade dos 15 mil presentes no Serra Dourada era corintiana

    Torcida do Corinthians domina o estádio Serra Dourada; comentarista e dirigente goianos se revoltam

    ver detalhes
  • Clayson canta o hino do Corinthians na primeira concentração

    VÍDEO: Clayson canta o hino do Corinthians na primeira concentração

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes