Corinthians não deve liberar o atacante Martínez

Corinthians não deve liberar o atacante Martínez

Da Redação

O presidente do Corinthians, Mário Gobbi, não deve liberar o atacante argentino Martinez ao Boca Juniors.

Gobbi afirmou que não pretende negociar jogadores até o dia 24 de julho, que é quando termina a Libertadores de 2013.

Martínez fez uma boa temporada no Timão em 2012, no entanto, como o técnico Tite deixou o jogador na reserva, ele começou a demonstrar insatisfação.

Chegou a dizer que precisava jogar como titular para conquista uma chance de jogar pela seleção argentina na Copa do Mundo de 2014.

Toda essa insatisfação do Burrito, como é chamado, gerou o interesse de outros times por ele. Além do Boca Junior, o Indepediente também gostaria de levar o atacante.

O jornal argentino Olé publicou recentemente que Gobbi só liberaria Martínez se a multa recisória de seu contrato fosse paga: um valor de mais de 60 milhões de reais.

Fonte: Regiaonoroeste

Veja Mais:

  • Drogba quer conversa com técnico e presidente antes de decisão

    Avaliando proposta, Drogba quer contato direto com técnico e presidente do Corinthians

    ver detalhes
  • Corinthians e Juventus se encontram neste domingo, às 19h45

    Corinthians encara 'clássico da Zona Leste' por vaga na final da Copinha

    ver detalhes
  • Empresário do meia Pedrinho acusa empresa de assédio sobre o jogador dentro do Corinthians

    Portal revela denúncia de empresário de meia da base contra empresa de Garcia

    ver detalhes
  • Final da Flórida Cup 2017, único revés em mata-mata para o Corinthians no Século 21

    Após seis triunfos, Timão perde primeiro mata-mata para o São Paulo no Século 21

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes