Marketing garante o maior salário para o astro

Marketing garante o maior salário para o astro

Alexandre Pato será o maior salário do elenco corintiano. Vai desbancar, com facilidade, os R$ 400 mil de Emerson Sheik.

O clube, como de hábito, não divulgou o valor. O DIÁRIO apurou que, com esquemas de marketing, o atacante espera receber R$ 920 mil mensais. É valor próximo do que recebia no Milan.

Menino-prodígio do Internacional, campeão mundial de 2006, foi vendido para o Milan na condição de uma das grandes revelações do futebol brasileiro. Apesar dos inegáveis bons momentos no San Siro, patinou por causa dos problemas físicos. Teve uma série de contusões. Desde 2009, foram 15, entre elas, sete na coxa direita, cinco na esquerda e uma no ombro. “Ele, agora, está bem. Não apresenta mais qualquer problema”, assegurou Duílio Monteiro Alves, descartando algum temor da comissão técnica.

Na reunião, Galliani deixou claro para os cartolas corintianos que o acerto final tinha de sair nesta quinta-feira. Ele tem voo marcado para voltar para a Itália nesta sexta à noite. “Galliani vai retornar com a mala cheia de dinheiro”, chegou a brincar Silvio Berlusconi, dono do Milan.

Não chega a tanto. O Corinthians vai pagar os R$ 41 milhões parceladamente. As condições não foram divulgadas.

Fonte: Rede Bom Dia

Veja Mais:

  • Alessandro entrega camisa para Mateus Vital, reforço vindo do Vasco

    Vital é apresentado no Corinthians, vibra com acerto e diz onde prefere aturar

    ver detalhes
  • Tevez recebeu pedido especial após derrota do Boca Juniors

    Em reestreia pelo Boca Juniors, Tevez autografa camisa do Corinthians e ri ao ouvir 'Timão'

    ver detalhes
  • Óscar retornou ao Shanghai Shenhua neste começo de 2018

    Corinthians abriu conversas pela contratação de irmão de Romero; dois fatores inviabilizaram negócio

    ver detalhes
  • Carille comentou treino desta quinta-feira, no CT; domingo tem jogo

    Vital treina pela primeira vez, e Corinthians inicia preparação para enfrentar São Caetano

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes