Sexta-feira 13: Corinthians deu ao menos três sustos na Fiel antes de chegar ao bi do Paulistão

Sexta-feira 13: Corinthians deu ao menos três sustos na Fiel antes de chegar ao bi do Paulistão

Por Meu Timão

10 mil visualizações 32 comentários Comunicar erro

Corinthians de Fábio Carille já deu alguns sustos na Fiel em 2018

Corinthians de Fábio Carille já deu alguns sustos na Fiel em 2018

Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

A primeira sexta-feira 13 do ano é "comemorada" hoje. E por conta disso o Meu Timão decidiu reunir os três grandes sustos que o Corinthians já fez a Fiel passar em 2018. É claro que todos foram muito bem superados, afinal de contas, a equipe conquistou no último domingo o título do Campeonato Paulista. O gato preto ficou... preto e branco!

Mas já?

Logo na estreia do Campeonato Paulista, o Corinthians foi surpreendido em casa, no Pacaembu, com uma derrota de 1 a 0 para a Ponte Preta. Além do começo com pé esquerdo no Estadual, o resultado se juntou à irregular participação alvinegra na Florida Cup - equipe titular até foi bem em suas participações nos amistosos contra PSV Eindhoven e Rangers, mas no fim das contas o Timão somou um empate de 1 a 1 contra os holandeses e uma derrota de 4 a 2 diante dos escoceses.

Corinthians foi derrotado para a Ponte Preta na 1ª rodada do Paulistão

Corinthians foi derrotado para a Ponte Preta na 1ª rodada do Paulistão

Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

Indefinição e deslizes

Após engatar sequência de quatro vitórias seguidas, o Corinthians somou duas derrotas e um empate no Paulistão, incluindo revés de 1 a 0 para o São Bento no retorno do Timão à Arena, em Itaquera. Talvez mais preocupante do que isso: a equipe de Fábio Carille vinha encontrando muita dificuldade tanto para atacar quanto para defender. Ali ficou claro que a ideia de um esquema tático com apenas um volante não estava funcionando.

Gabriel como único volante do Corinthians não foi suficiente

Gabriel como único volante do Corinthians não foi suficiente

Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

Mata-mata com emoção até demais

Quando tudo parecia encaixado, com o retorno da escalação com dois volantes e variações dos esquemas 4-2-4 e 4-2-3-1, o Corinthians decidiu testar o coração de seus mais de 30 milhões de torcedores: perdeu nos três jogos de ida do mata-mata do Paulistão, contra Bragantino, São Paulo e Palmeiras. Como já se sabe, é claro, o campeão Timão conseguiu dar a volta por cima nos três embates: quartas de final, semifinal e final, com direito a triunfo nas penalidades nos clássicos Majestoso e Dérbi.

Corinthians foi campeão após vitória suada nas penalidades

Corinthians foi campeão após vitória suada nas penalidades

Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

Veja mais em: Campeonato Paulista, Florida Cup e Fábio Carille.

Veja Mais:

  • Dupla assinou novo contrato até o fim de 2022

    Cássio e Fagner renovam contratos com o Corinthians por mais uma temporada

    ver detalhes
  • Corinthians tem sete marcas estampadas no uniforme em 2019

    Uniforme do Corinthians já vale quase R$ 80 milhões; saiba os valores das sete marcas

    ver detalhes
  • Gabriel ainda não tinha treinado com bola em 2019

    Com duas novidades em campo, Corinthians se reapresenta após estreia do Paulistão

    ver detalhes
  • Timãozinho segue treinando forte para encarar o Vasco, pela semifinal da Copinha

    Semifinal da Copinha e dois confrontos pelo Paulistão: a agenda do Corinthians na semana

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes