Como visitante, Corinthians não vencia por quatro gols de diferença em um Brasileiro há 12 anos

Como visitante, Corinthians não vencia por quatro gols de diferença em um Brasileiro há 12 anos

Por Meu Timão

5.9 mil visualizações 43 comentários Comunicar erro

Balbuena e Sidcley comemorando gol do Corinthians contra o Paraná

Balbuena e Sidcley comemorando gol do Corinthians contra o Paraná

Foto: Daniel Augusto Jr. / Agência Corinthians

O Corinthians goleou o Paraná Clube por 4 a 0 na manhã deste domingo, em confronto válido pela segunda rodada do Campeonato Brasileiro. Uma diferença de gols que chamou atenção em meio à tradição de resultados mais justos. E que não acontecia há mais de uma década.

A última vez que o Timão goleou por quatro gols de diferença como visitante na competição nacional foi há quase 12 anos. Mais precisamente no dia 1º de novembro de 2006, contra o Fortaleza, no Castelão. Os gols foram marcados por Renato, Roger, César e Wilson.

Detalhe fica por conta da presença de Fagner naquele jogo. O jovem lateral-direito, então com 17 anos, fazia naquela noite de quarta-feira sua estreia na equipe profissional do Corinthians. Neste domingo, Fagner esteve novamente em campo, em Curitiba, aos 28 anos.

Leia também:
Mesmo com gol e assistência, Sidcley escolhe outra partida como a sua melhor
Carrile não descarta nova arrancada do Corinthians no Brasileirão
Em revezamento com o Ralf, Gabriel iguala número de gols de toda a temporada 2017

Após aquela goleada contra o Fortaleza, o Corinthians voltou a fazer quatro ou mais gols como visitante no Campeonato Brasileiro apenas quatro vezes. Em todas, porém, levou ao menos um gol e a diferença foi menor do que essa dos quatro gols na capital parananense.

Foram eles: Sport 1x4 Corinthians (BR-14), Atlético-PR 1x4 (BR-15), Santa Cruz 2x4 Corinthians (BR-16) e Vasco 2x5 Corinthians (BR-17).

Carille comemorou a postura ofensiva de todos seus jogadores em Curitiba, que ajudou a render mais uma goleada para o Corinthians na história do Brasileirão.

"Essa está sendo a nossa cobrança, de que jogar sem 9 tem de aparecer dentro da área. Sem o nove, esses caras das pontas, os meias, os volantes são importantes", lembrou.

Veja mais em: Fagner e Campeonato Brasileiro.

Veja Mais:

  • Sheik deve renovar até o final da temporada

    Diretoria liga alerta para cinco atletas com contratos no fim; Sheik acerta acordo por renovação

    ver detalhes
  • Ralf trabalhou ao lado de auxiliar da preparação física do Corinthians

    Ralf vai a campo pela primeira vez após cirurgia

    ver detalhes
  • O meia Rodriguinho e e o zagueiro Balbuena foram a campo no CT Joaquim Grava

    Com retorno de poupados, Corinthians se reapresenta no CT após empate em Recife

    ver detalhes
  • Os paraguaios Balbuena e Romero poderão ser desfalques em dois jogos do Timão

    Paraguai anuncia convocação para quarta-feira e Corinthians pode perder dupla por dois jogos

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes