Carille critica árbitro por falta de critério em derrota do Corinthians

Carille critica árbitro por falta de critério em derrota do Corinthians

Por Meu Timão

2.8 mil visualizações 76 comentários Comunicar erro

Carille reclamou da arbitragem após revés; ao mesmo tempo, não tirou méritos do Atlético-MG

Carille reclamou da arbitragem após revés; ao mesmo tempo, não tirou méritos do Atlético-MG

Foto: Rodrigo Gazzanel/Agência Corinthians

O técnico do Corinthians, Fábio Carille, fez críticas à arbitragem de Dewson Fernando Freitas da Silva após a derrota por 1 a 0 para o Atlético-MG, neste domingo, no Independência. Na avaliação do treinador alvinegro, faltou critério ao juiz paraense, que não viu pênalti de Patrick sobre Maycon e empurrão de Róger Guedes em Mantuan na jogada do gol atleticano.

Em entrevista coletiva concedida no Independência, Carille citou o cartão amarelo dado ao volante Gabriel, ainda no primeiro tempo. O técnico defendeu que não houve sequer falta cometida pelo meio-campista corinthiano. Nem o pênalti de Patrick nem a falta de Róger Guedes foram citados pelo comandante.

“Não tenho o que falar, ainda não vi na TV, depois que eu ver posso dar minha opinião. Ele (Dewson) se atrapalhou, sim. O Gabriel – são informações que eu tenho – não foi falta e deu cartão. E vira uma bola parada para o adversário que é um ponto forte”, disse Carille, que não tirou os méritos do Atlético-MG pelo triunfo em Belo Horizonte:

“Não gostei de arbitragem, sou muito sincero naquilo que falo, deu um pé alto contra nós e depois, no mesmo lance, não deu. Não apitando, não sendo criterioso para os dois lados, não gostei da arbitragem desde o início. Mas isso não quer dizer que foi determinante para o resultado, não tira o brilho do Atlético”, acrescentou Fábio.

Veja o pênalti em Maycon não marcado por Dewson Freitas

O único gol da partida ocorreu aos 41 minutos do segundo tempo, quando Patrick achou Róger Guedes dentro da área corinthiana. O atacante adversário, como citado acima, empurrou Mantuan para conseguir concluir o lançamento e abrir o placar no Horto.

Segundo Carille, a demora de árbitro e assistentes para anunciarem um ultimato tem prejudicado as partidas de futebol aqui no Brasil. No primeiro tempo, por exemplo, o mesmo Róger Guedes chegou a balanças as redes depois de Ricardo Oliveira resvalar a bola com a mão dentro da área. Dewson chegou a validar o tento, mas voltou atrás após reclamações do lado paulista do confronto.

“Sabe o que gera tudo isso? A demora que acontece para o quarto árbitro se aproximar. Eu não sei por que eles têm aquilo ali... E com isso demora. Já passa a informação logo. Aí vai jogador em cima do quarto árbitro, juiz, negócio não anda. Quanto mais estiver dentro do campo para que ajude a ser uma arbitragem justa, tem de ser mais rápido. Porque acaba perdendo a mão do jogo. Se estão com comunicação, define logo isso aí e não deixa o jogo ficar parado”, finalizou.

O Corinthians agora se volta à Copa Libertadores da América. Na quarta-feira que vem, recebe o Independiente da Argentina na Arena, em Itaquera, às 21h45. O embate é válido pela quarta rodada da fase de grupos do torneio.

Confira o gol irregular corretamente anulado pelo árbitro

Veja mais em: Erros de arbitragem, Arbitragem, Fábio Carille e Campeonato Brasileiro.

Veja Mais:

  • Fagner atuou durante os 90 minutos do jogo entre Brasil e Costa Rica

    Fagner joga, defesa passa ilesa, e Brasil vence Costa Rica pela Copa do Mundo

    ver detalhes
  • Fagner faz parte da delegação canarinha que busca o hexa na Rússia

    Até rivais se rendem, e Fagner é elogiado após estreia em Copas do Mundo; veja repercussão

    ver detalhes
  • Fagner e Tite trabalharam juntos no Corinthians em 2015 e 2016

    Fagner ou Danilo? Corinthiano leva vantagem nas estatísticas defensivas e ofensivas na Copa

    ver detalhes
  • Corinthians e São José disputam o título da Liga Ouro de 2018

    Em vantagem na série final, Corinthians visita São José valendo título da Liga Ouro

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes