Defensores do Corinthians enfatizam peso de jogo contra Independiente: 'Decisão'

Defensores do Corinthians enfatizam peso de jogo contra Independiente: 'Decisão'

1.6 mil visualizações 26 comentários Comunicar erro

Gabriel e Henrique conversaram com a imprensa após o treino no CT

Gabriel e Henrique conversaram com a imprensa após o treino no CT

Vinícius Souza/Meu Timão

O Corinthians lidera o grupo 7 da Copa Libertadores da América com sete pontos. De quebra, vem de vitória imponente sobre o Independiente, da Argentina, por 1 a 0 em plena Avellaneda. Ainda assim, vencer o mesmo adversário nesta quarta-feira é fundamental – ao menos na visão de dois titulares do Timão.

Leia também: Sem Clayson, Carille troca treino por bate-papo antes do Independiente; veja provável escalação

Em entrevista coletiva concedida no início de noite desta terça-feira, no CT Joaquim Grava, o volante Gabriel projetou o confronto na Arena Corinthians. De acordo com o camisa 5, a equipe alvinegra necessita dos três pontos frente ao time argentino para praticamente selar classificação às oitavas de final do torneio.

“É fundamental sim (uma vitória). Lógico, como Henrique disse, pela nossa força dentro de casa, pela equipe que temos, lógico que a vitória é o ideal. Conseguimos uma grande vitória na Argentina, onde o empate não seria mau resultado. Sabemos que temos mais três jogos na primeira fase. Amanhã é mais um jogo onde temos de estar concentrados os 90 minutos, equipe do Independiente tem qualidade, são perigosos. Temos de estar preparados e concentrados a todo o momento para tentar pressionar no tempo certo e sair classificados, que é nosso objetivo. Depois, sim, pensar posteriormente”, disse o volante.

O treinamento desta terça, o último antes do jogo, consistiu em trabalho com bola para os reservas e bate-papo aos titulares – devido à maratona de partidas, Carille optou por passar vídeo com informações do Independiente aos jogadores e não comandar atividade tática destinada aos que iniciam o duelo em Itaquera.

Para Gabriel, porém, o fato de não poder treinar com bola antes de um compromisso de Libertadores, embora prejudicial, deve ser encarado pelo Corinthians. “Já treinamos hoje, assistimos a vídeo, estudamos a equipe do Independiente. Fizemos um aquecimento forte também. Conversamos com o professor pra acertar os últimos detalhes e continua a preparação agora pra depois descansarmos ali, brincarmos um pouco na concentração e focar na partida. Se tratando de uma Libertadores, é uma decisão e vamos fazer nosso melhor”, acrescentou o volante.

Outro a ocupar a cadeira da sala de imprensa do CT foi o zagueiro Henrique, que volta a formar dupla de zaga com Balbuena. Ele sabe que o Timão tem condições de não só dar passo importante rumo à próxima fase mas ajudar a eliminar o maior vencedor da Libertadores, com sete títulos.

“Sem dúvida. A gente sabe que é uma equipe difícil, que sempre chega, complicado você jogar. Claro, jogando em casa, com nossa torcida, temos que ser inteligentes para conseguir fazer um grande jogo e buscar a vitória. Será um grande espetáculo, a torcida vai comparecer, nos incentivar os 90 minutos para conseguir os três pontos”, finalizou.

Corinthians e Independiente medem forças nesta quarta, às 21h45, na Arena, pela quarta rodada da fase de grupos da Libertadores. Em caso de vitória, a equipe de Carille precisará de um empate nas duas rodadas finais para se garantir matematicamente na próxima fase.

Veja mais em: Libertadores da América, Gabriel, Henrique e Elenco do Corinthians.

Veja Mais:

  • Uendel foi jogador do Timão por três anos e ganhou um Brasileiro (2015)

    Corinthians tem interesse em Uendel, do Internacional

    ver detalhes
  • Ramires pode ser emprestado ao Corinthians por uma temporada

    Corinthians tem interesse em revelação do Bahia e pode fazer operação com europeu por acerto

    ver detalhes
  • Sassá é alvo do Corinthians para 2019 a pedido de Fábio Carille

    Carille pede, Corinthians insiste por Sassá e entra em atrito público com Cruzeiro

    ver detalhes
  • Ramiro foi contratado pelo Grêmio em 2013

    Pai de Ramiro confirma contrato com Corinthians de quatro temporadas

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes