Pai argentino, fã de craque espanhol... Dupla de contratações do Corinthians revela inspirações

Pai argentino, fã de craque espanhol... Dupla de contratações do Corinthians revela inspirações

Por Vinícius Souza e Rodrigo Vessoni, no CT Joaquim Grava

24 mil visualizações 96 comentários Comunicar erro

Bruno Xavier (à esq.) e Thiaguinho (à dir.) foram apresentados à imprensa nesta quinta, no CT

Bruno Xavier (à esq.) e Thiaguinho (à dir.) foram apresentados à imprensa nesta quinta, no CT

Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

O Corinthians apresentou nesta quinta-feira, no CT Joaquim Grava, o volante Thiaguinho e o atacante Bruno Xavier. Ambos foram contratados do Nacional-SP e já estavam integrados ao elenco alvinegro há cerca de duas semanas. Em entrevista coletiva após o treinamento, os jovens reforços revelaram em quem se inspiraram para se tornar atletas e viver do futebol.

Thiaguinho, de 21 anos de idade, disse ser fã de um dos maiores ídolos do Barcelona, o espanhol Andrés Iniesta, próximo de pendurar as chuteiras. “Cresci vendo o Iniesta, sou apaixonado pelo futebol dele, pela técnica que tem e facilidade de chegar na área”, afirmou o meia, que pode atuar tanto como primeiro como segundo volante.

Bruno Xavier, por sua vez, também de 21 anos e artilheiro da última edição da A2 do Campeonato Paulista pelo Nacional, é filho de argentino e tem como exemplo não um craque, mas alguns. “Meu pai é argentino, então era uma rivalidade. Sempre cresci vendo Messi, Neymar e Ronaldinho Gaúcho. Não me espelho só em uma pessoa. No futebol tem muitos jogadores, então tiro um pouquinho de cada, tento aprender muito”, respondeu o atacante.

Leia também: Corinthians negocia a contratação de jovem atacante do Coritiba

A dupla de reforços chega ao Parque São Jorge por empréstimo do Nacional e com contrato até o término do Campeonato Paulista de 2019. O vínculo curto, no entanto, está longe de ser problema para ambos.

“É trabalhar. A gente vem de uma Série A2, onde trabalhava muito. Agora estamos na elite do Brasileiro, então tem que trabalhar o dobro. Não tem como falar que um ano é pouco, tem bastante campeonatos para mostrarmos nosso futebol”, explicou Thiaguinho, corroborado pelo companheiro de equipe (e de coletiva de imprensa):

“Se me chamassem para vir um mês trabalhar, ia vir com a mesma determinação e vontade. Claro que um ano passa rápido, mas isso depende de você. O tempo de contrato é o que tem menos problema”, concluiu Bruno.

Leia também: Entusiasmados, Thiaguinho e Bruno Xavier são apresentados oficialmente no CT do Corinthians

Conforme o Meu Timão adiantou no último dia 14, data em que foram ao CT Joaquim Grava pela primeira vez, os dois atletas seguem com seus direitos federativos ligados ao Nacional. O Corinthians adquiriu 70% dos direitos econômicos de cada um. Os valores das duas transações são mantidos em sigilo.

Veja mais em: Contratações do Corinthians, Thiaguinho, Bruno Xavier e CT Joaquim Grava.

Veja Mais:

  • Resta apenas o acerto dos jogadores com seus novos clubes para selar o negócio

    Corinthians e Atlético-MG se acertam por troca de atacantes; jogadores aceitam conversar

    ver detalhes
  • Uendel pode acertar retorno para o Corinthians em breve

    Empresário confirma que Corinthians deve acertar retorno de Uendel em janeiro

    ver detalhes
  • Ramiro assinou com o Corinthians nesta quinta-feira e é o quinto reforço para 2019

    Novo reforço do Corinthians, Ramiro se aproxima de Jadson e Luan em estatísticas do Brasileirão

    ver detalhes
  • Corinthians jogou boa parte da temporada sem estampa no espaço principal do uniforme

    Otimismo do Corinthians com patrocínio contrasta com fracasso inédito desde era Kalunga

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes