Tribunal nega pedido do Palmeiras de impugnação da final do Paulistão; caso pode parar na Suíça

Tribunal nega pedido do Palmeiras de impugnação da final do Paulistão; caso pode parar na Suíça

Por Meu Timão

40 mil visualizações 89 comentários Comunicar erro

Jogadores e torcedores do Corinthians já 'cansaram' de comemorar título que Palmeiras tenta melar

Jogadores e torcedores do Corinthians já 'cansaram' de comemorar título que Palmeiras tenta melar

Reprodução Instagram/Gaviões da Fiel

O título do Corinthians do Campeonato Paulista de 2018 foi "confirmado" mais uma vez. Nesta sexta-feira, o presidente do Tribunal de Justiça Desportiva de São Paulo, Antonio Olim, negou o pedido do Palmeiras de impugnação do segundo jogo da final. O clube havia entrado com o protocolo no TJD-SP há pouco mais de uma semana.

"(...) o impugnante (...) teria até o final do expediente do dia 10 de abril para entrar com a presente medida, fato que só ocorreu no dia 25 de abril, o que a torna intempestiva", consta num trecho do despacho, conforme reproduzido pelo portal Globoesporte.com.

Em outras palavras: o entendimento do TJD-SP é de que o Palmeiras até teria direito a tentar a impugnação da partida, mas teria de fazê-lo até 48 horas depois do apito final.

Há quase duas semanas, o TJD-SP já havia arquivado o inquérito que apurava possível interferência externa na arbitragem do Dérbi decisivo. O relatório do órgão sobre as investigações, na ocasião, negou existência de evidências que comprovem a tese palmeirense. A empresa privada estadunidense de investigação se tornou até mesmo piada entre corinthianos após o fracasso alviverde nos tribunais.

O Palmeiras tenta anular a decisão do Paulistão se apoiando na teoria de que a arbitragem recebeu informações externas para somente então anular pênalti mal assinalado de Dudu em Ralf. O clube alviverde ainda tem duas instâncias para recorrer: o Superior Tribunal de Justiça Desportiva, no Rio de Janeiro, e a Corte Arbitral do Esporte, na Suíça.

Veja mais em: Campeonato Paulista e Dérbi.

Veja Mais:

  • Ramiro possui contrato com Grêmio até 2021; Timão contatou pai do atleta

    Corinthians consulta pai de Ramiro, do Grêmio, e mostra interesse no meia

    ver detalhes
  • Reunião do Conselho do Corinthians aconteceu no Parque São Jorge

    Conselho do Corinthians se reúne e aprova previsão orçamentária de 2019; Rosenberg causa irritação

    ver detalhes
  • Corinthians e São Paulo se enfrentaram pelas quartas de final da Copa RS

    Corinthians é derrotado pelo São Paulo nos pênaltis e dá adeus à Copa RS de 2018

    ver detalhes
  • CT da Base já está sendo utilizado pelas equipes sub-15, sub-17 e sub-20; gramados estão prontos

    Corinthians define duas etapas de finalização das obras do CT da base; orçamento é de R$ 25 milhões

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes