Henrique se diz feliz por gol contra o Ceará, mas lamenta empate do Corinthians na Arena

Henrique se diz feliz por gol contra o Ceará, mas lamenta empate do Corinthians na Arena

Por Thaina Barros e Rodrigo Vessoni, na Arena Corinthians

1.7 mil visualizações 36 comentários Comunicar erro

Henrique marcou o gol de empate do Corinthians sobre o Ceará

Henrique marcou o gol de empate do Corinthians sobre o Ceará

Foto: Daniel Augusto Jr./Agência Corinthians

Na manhã deste domingo, o Corinthians recebeu o Ceará na Arena, em Itaquera, pela quarta rodada do Campeonato Brasileiro. A equipe do técnico Fábio Carille saiu atrás no marcador logo nos minutos iniciais do embate, mas reverteu ainda no primeiro tempo, com um gol de cabeça de Henrique. O zagueiro garantiu estar contente com o seu tento, o segundo dele como jogador do Timão, mas não deixou de lamentar o resultado em casa.

"Fico feliz com o gol, mas triste pelo resultado. Queríamos outro resultado para a nossa torcida, que veio e apoiou do início ao fim. Fico triste com isso, mas é bola para frente. Tem que mudar a página, virar a chave, acertar o que fez de errado, para quinta-feira estar 100% e pronto para decisão", afirmou o camisa 3.

Leia também:
Pedrinho supera até Henrique e é eleito craque do Corinthians; Marquinhos só não é pior que juiz
Carille explica troca de farpas com torcedor crítico de Marquinhos Gabriel em jogo do Corinthians
'É só acertar a m... do gol', lamenta Roger após estreia 'participativa' pelo Corinthians

O empate em Itaquera foi marcado por uma escalação mista de Carille no Corinthians. Por conta da maratona de jogos, o treinador preferiu poupar alguns jogadores consideradores titulares e promoveu mudanças tanto na defesa, quanto no ataque.

No entanto, Henrique esteve fora da lista de poupados do Timão. Reforço do Corinthians nesta temporada, o zagueiro completou seu 20º jogo como titular e projetou, sem medo de desgaste, uma sequência ainda mais longa no clube.

"Fico feliz, aqui no Corinthians tem um pessoal que trabalha atrás das câmeras, profissionais muito bons e a gente tenta seguir a linha. Tento seguir uma linha para me manter 100% e ajudar, se não acabo atrapalhando. É se alimentar direito, descansar, fazer tudo o que podemos no clube. Não sabia que eram 20 jogos seguidos. Tem que estar focado, estar tranquilo, pensar em ajudar o time que as coisas vão acontecendo e os jogos também", garantiu Henrique.

Com o resultado diante do Ceará, o Corinthians engata agora uma sequência de quatro jogos sem vitórias. A equipe já vinha de empate contra o Vitória, pela Copa do Brasil, derrotas para Atlético-MG, no Brasileirão, e Independiente (ARG), pela Libertadores. A sequência não assusta Henrique, que vê o time preparado para contornar a situação no próximo duelo.

"Acho que uma hora ia acontecer (as derrotas), mas lógico que não era o que a gente queria. Esses jogos estão acontecendo, não no momento que eram para acontecer, mas quinta-feira sabemos que é uma decisão. Sabemos que tem que melhorar algumas coisas, para que estejamos preparados para mais uma decisão", encerrou.

O Corinthians volta a campo nesta quinta-feira, no jogo de volta das oitavas de final da Copa do Brasil. O embate será diante do Vitória, às 19h30 (de Brasília), também em Itaquera.

Veja mais em: Henrique e Campeonato Brasileiro.

Veja Mais:

  • Diego Tardelli está há três temporadas no Shandong Luneng

    Corinthians recebe aceno positivo de 'concorrido' Tardelli por retorno ao Brasil

    ver detalhes
  • Torcida do Corinthians lotou Arena para finalíssima da Copa do Brasil

    Salvo padrão Fifa, Arena Corinthians tem seu maior ganho líquido de renda na final da Copa do Brasil

    ver detalhes
  • Cássio falou com o jornalistas na tarde desta sexta-feira no CT do clube

    Cássio critica agente de Pedrinho após postagem: 'As coisas se resolvem aqui, não falando fora'

    ver detalhes
  • Corinthians de Jadson e Henrique flerta com marca do rebaixamento de 2007

    'Pior Corinthians dos últimos cinco anos' já flerta com marca do rebaixamento de 2007

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes