Jô analisa chegada de Roger ao Corinthians e projeta retorno: 'Podem ficar tranquilos'

Jô analisa chegada de Roger ao Corinthians e projeta retorno: 'Podem ficar tranquilos'

Por Meu Timão

75 mil visualizações 120 comentários Comunicar erro

Jô foi o principal jogador do Corinthians em 2017

Jô foi o principal jogador do Corinthians em 2017

Foto: Rodrigo Gazzanel/Ag. Corinthians

Desde que Jô rumou ao Japão para defender o Nagoya Grampus, o Corinthians não tem uma unanimidade no comando de seu ataque. Após não se convencer com Kazim e Júnior Dutra, o clube agora aposta suas fichas em Roger, contratado junto ao Internacional. Ciente da falta que faz, o ex-camisa 7 alvinegro acredita que o novo centroavante vá encaixar no time de Carille.

"Não tinha como imaginar (que o time fosse sentir tanta falta). A chegada do Roger talvez resolva isso, já que ele tem características parecidas com as minhas. Eu sou canhoto e talvez seja um pouco mais difícil marcar atacantes assim, mas nada que faça muita diferença. Eu acredito muito nele e espero que a torcida tenha paciência", disse, em entrevista ao Estadão.

Leia também:
Jô acredita em bicampeonato brasileiro do Corinthians, mas pontua: 'Vai ser mais difícil'
Jô rasga elogios a Carille e reafirma desejo de voltar ao Corinthians no futuro

Enquanto torce pelos gols de Roger, a Fiel pode começar a contar os dias para ter Jô novamente. Pelo menos é isso que espera o atacante. Ciente do contrato que tem que cumprir, o jogador já sabe qual será sua prioridade na hora de retornar ao Brasil.

"Estou em um lugar com tranquilidade gigantesca para trabalhar. Não posso falar em voltar agora, pois estaria desrespeitando quem confiou em mim, mas é claro que a gente vai pensar com carinho quando terminar o contrato. A prioridade é o Corinthians. Aqui no Japão, recebo direto mensagem de torcedor pedindo para eu retornar e dizendo coisas bacanas. Eu vou voltar, podem ficar tranquilos", pontuou.

E não foi só a ligação com a torcida que se manteve. Mesmo do outro lado do mundo, o centroavante segue se comunicando com o plantel alvinegro e com Fábio Carille. Além disso, assiste às partidas ao vivo sempre que possível.

"Tenho contato com uns 90% dos jogadores. Sempre o Fábio e eu trocamos mensagens. Difícil desvincular, nem quero fazer isso. Alguns jogos são de madrugada aqui e, por isso, não consigo acompanhar. Mas eu vejo as partidas no meio da semana", concluiu.

Veja mais em: , Ex-jogadores do Corinthians, Roger e Heptacampeonato brasileiro.

Veja Mais:

  • Timão pode erguer troféu da Liga Ouro já na sexta-feira, na casa do São José

    Corinthians vence batalha com quatro prorrogações e fica a uma vitória do título da Liga Ouro

    ver detalhes
  • Maioria dos titulares de Loss já completou sétimo jogo no BR; Cássio e Fagner, sequer seis

    Doze corinthianos já completaram sete jogos no Brasileirão; veja quem ainda pode se transferir

    ver detalhes
  • Caetano tem 18 anos e estava no Botafogo

    Corinthians acerta contratação de zagueiro indicado por Barroca, técnico do Sub-20

    ver detalhes
  • Léo Jabá tem contrato de cinco temporadas com o FC Akhmat Grozny

    Jabá encaminha transferência à Grécia, e Corinthians pode ganhar mais de R$ 4 milhões

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes