Vampeta reprova saída de Carille do Corinthians: 'Fez uma c... na carreira dele'

Vampeta reprova saída de Carille do Corinthians: 'Fez uma c... na carreira dele'

Por Meu Timão

4.6 mil visualizações 58 comentários Comunicar erro

Vampeta vê erro de projeto de Carille ao aceitar proposta saudita

Vampeta vê erro de projeto de Carille ao aceitar proposta saudita

Foto: Reprodução/Jovem Pan

Ídolo do Corinthians, Vampeta condenou Fábio Carille, agora ex-treinador do Timão, pelo acerto com o Al-Wehda, da Arábia Saudita. Em participação no programa Esporte em Discussão, da rádio Jovem Pan, o ex-jogador falou em “cagada” e previu dificuldades para o técnico com relação à adaptação ao novo país.

“Se falar cagada uma hora dessa não dá problema não, né? O Carille fez uma cagada na carreira dele. Verdade. Vou falar aqui, Zagallo, Parreira, Felipão, Abel Braga, Joel (Santana)… Os grandes treinadores do país já passaram lá na Arábia Saudita e ninguém consertou o futebol árabe, viu? Ninguém. Os caras são bem amadores mesmo”, afirmou Vampeta.

Ainda que de maneira irreverente, Vampeta lembrou que o nível competitivo do Al-Wehda é baixo, ao contrário do Al-Hilal, que está em patamar acima e com quem o então treinador corinthiano chegou a negociar, mas não houve acordo.

“Ele ia pra um clube (Al-Hilal) que tem mais de 15 jogadores convocados para jogar a Copa do Mundo. Esse negócio de ‘um projeto que a federação da Arábia Saudita está pensando para modernizar o futebol’ e conta com ele... Primeiro, ele está começando a se destacar agora”, prosseguiu o ídolo alvinegro.

Vampeta ainda colocou Carille, pelo trabalho de sucesso à frente do Corinthians (um Brasileiro e dois Estaduais conquistados em cerca de um ano e meio), como principal nome a assumir o Brasil depois da Copa do Mundo da Rússia, no fim de julho. No entanto, com a transferência para o futebol saudita, tal cenário passa a ser improvável.

“O professor Tite, nosso deus, ele não vai querer ficar na Seleção. Se ele ganhar a Copa do Mundo, vai querer carreira internacional. Como não vai ganhar, também vai querer a carreira internacional, não vai ficar na Seleção. Qual o nome mais forte no país hoje para assumir uma Seleção Brasileira? O nome mais forte seria do Carille. O mais forte”, finalizou.

Carille se despediu da torcida corinthiana na tarde da última quarta-feira, quando concedeu entrevista coletiva em um hotel de São Paulo e explicou por que optou pelo novo desafio. Osmar Loss, seu sucessor, estreia no comando técnico do Timão nesta quinta, no duelo contra o Millonarios, da Colômbia, na Arena Corinthians.

Veja mais em: Fábio Carille e Ídolos do Corinthians.

Veja Mais:

  • Matheus Matias soma três atuações pelo Corinthians: uma no Brasileiro e duas em amistosos

    Loss sugere que peso da camisa do Corinthians interfere no zelo com Matheus Matias

    ver detalhes
  • Em noite ruim, Timão pouco incomodou Grêmio e foi superado pelo placar mínimo

    Veja a posição do Corinthians ao fim do primeiro turno do Brasileirão-2018

    ver detalhes
  • Maxwell (à dir.) assinou com Corinthians por duas temporadas

    Corinthians acerta com meia ex-Santos para categoria Sub-20

    ver detalhes
  • Basquete do Corinthians chegou à terceira vitória em oito jogos no Estadual

    Corinthians embala no fim, bate São José e chega à terceira vitória no Paulista de Basquete

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes