Walter fala de sequência, busca por primeira vitória e projeta futuro no Corinthians

Walter fala de sequência, busca por primeira vitória e projeta futuro no Corinthians

Por Meu Timão

1.8 mil visualizações 29 comentários Comunicar erro

Walter faz sua quarta partida nessa nova sequência de jogos no Corinthians

Walter faz sua quarta partida nessa nova sequência de jogos no Corinthians

Foto: Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

A sequência de derrotas do Corinthians não tem sido complicada apenas para Loss, que assumiu o comando do time agora. O goleiro Walter também está tendo uma nova oportunidade no time, que não começou como imaginado.

Desde que Cássio se apresentou a Seleção, Walter esteve em campo em três jogos: empate contra o Sport e derrotas para Millonarios e Internacional - um total de quatro gols sofridos.

Leia também: Corinthians pega América-MG na Arena para pôr fim a sequência sem vitória

O número não incomoda o arqueiro, que ressalta que é mais importante a equipe retomar o caminho das vitórias. A próxima chance é justamente nesta quinta-feira, contra o América-MG, na Arena.

"Precisamos das vitórias. Tomar gol a gente nunca quer tomar, mas vindo as vitórias as coisas começam a caminhar bem de novo, a confiança volta. Não fizemos partidas ruins. Contra o Inter, a gente estava um pouco mais cansado, pois tínhamos jogador quinta às 21h30, num jogo intenso, em que tomamos um gol e fomos para cima para tentar ganhar (contra o Millonarios). A dedicação foi muito grande e sofremos no domingo pelo cansaço. Vencendo, vamos encaixar tudo de novo", explicou, em entrevista ao GloboEsporte.com.

Um dos gols sofridos, aliás, foi no último domingo após a falha de Guilherme Mantuan. O arqueiro explicou que tentou avisar, mas que o barulho do Beira-Rio não permitiu. Walter também fez questão de elogiar o jovem volante/lateral.

"É complicado, a torcida faz um grande barulho no estádio, você não consegue conversar de perto, acaba assoviando, mas não deu para ele escutar. Mantuan também estava confiante, fazendo uma baita partida, era um dos melhores em campo. Mas o moleque é sensacional, do bem, trabalha para caramba, se dedica, fez excelentes partidas. O erro não vai apagar tudo o que ele já fez", garantiu.

Por fim, o goleiro também falou sobre o seu futuro no Corinthians. Por conta da gratidão que tem com o clube e com os funcionários, principalmente pelos períodos parados tratando de problemas médicos, Walter não cogita deixar o Timão quando Cássio retornar.

"Tenho que pensar no meu trabalho, ajudar o time a vencer jogos. Temos de acabar essa primeira parte do ano nas primeiras colocações. Não penso lá na frente, penso no agora. Tenho 30 anos, muita coisa pela frente, mas minha pretensão é ficar mais tempo aqui dentro por tudo o que me propuseram, por tudo o que me fizeram. Gosto daqui. Se pintar outra situação, vamos ver o que é melhor para ambas as partes. Mas estou muito feliz por defender a camisa do Corinthians", finalizou.

Com Walter no gol, o Corinthians encara o América-MG nesta quinta-feira, pela oitava rodada do Campeonato Brasileiro. A partida será realizada na Arena a partir das 18h.

Veja mais em: Walter e Campeonato Brasileiro.

Veja Mais:

  • Em baixa na Alemanha, Jonathas volta à pauta do Corinthians, que busca empréstimo

    Corinthians volta a ter interesse no centroavante Jonathas

    ver detalhes
  • Gabriel e Guilherme conversaram com o Meu Timão no Parque São Jorge

    Mãe vira-casaca, sonho inglês e até 10 a 0 na Croácia: conheça os gêmeos do Sub-17 do Corinthians

    ver detalhes
  • Jorge Luis Pinto é torcedor do Corinthians em solo brasileiro

    Técnico sensação da Copa-2014 pela Costa Rica fala em sonho de treinar Corinthians

    ver detalhes
  • Rio, Maceió e até Califórnia: jogadores do Corinthians curtem 'férias forçadas'; veja destinos

    Rio, Maceió e até Califórnia: jogadores do Corinthians curtem 'férias forçadas'; veja destinos

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes