Walter explica exposição contra América-MG, festeja evolução e minimiza 'um pouquinho de dor'

Walter explica exposição contra América-MG, festeja evolução e minimiza 'um pouquinho de dor'

Por Lucas Faraldo e Rodrigo Vessoni

1.7 mil visualizações 18 comentários Comunicar erro

Walter faz sua quarta partida nessa nova sequência de jogos no Corinthians

Walter faz sua quarta partida nessa nova sequência de jogos no Corinthians

Foto: Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

Substituto de Cássio no gol do Corinthians durante este período de preparação da Seleção Brasileira para a Copa do Mundo da Rússia, o goleiro Walter vive grande momento com a camisa alvinegra. Titular já há quatro partidas consecutivas, o arqueiro tem motivos de sobra para comemorar, a começar por sua evolução física...

Se recuperando de uma grave lesão no tendão adutor da perna direita desde novembro do ano passado, Walter somente estreou em 2018 no empate de quase duas semanas atrás diante do Sport. Na sequência, engatou jogos contra Millonarios, Internacional e mais recentemente América-MG. O camisa 27 festejou a nova fase e minimizou dor remanescente.

"Fico feliz por estar sem dor, tem um pouquinho, mas faz parte pelo grau da lesão. Mesmo chutando no treino, você chega no jogo e sente receio de acontecer de novo. Foi passando os jogos e fui melhorando. Sou grato por estar bem e de estar ajudando a equipe", declarou, em entrevista coletiva concedida nesta sexta-feira no CT Joaquim Grava.

E, se houve um jogo nesta sequência de quatro partidas de Walter à frente da meta corinthiana no qual ele foi bastante testado, é possível dizer que tal partida foi justamente a vitória da última quinta sobre o América-MG. Eleito o craque do duelo pelos leitores do Meu Timão, o goleiro justificou sua "maior exposição" ao se referir à ofensividade corinthiana.

"A gente precisava da vitória, a exposição foi maior. Normal. No Brasileiro, todos os goleiros estão trabalhando muito em todos os jogos. Acho que vai seguir assim", argumentou.

Veja mais em: Walter e Campeonato Brasileiro.

Veja Mais:

  • Renan Areias (no centro) está no Corinthians desde os seis anos de idade

    Corinthians empresta capitão do Sub-20 para o Red Bull Brasil

    ver detalhes
  • Fessin já marcou três gols pelo Corinthians no Paulista Sub-20

    Fessin marca, Corinthians vence no Paulista Sub-20 e diminui distância para rival

    ver detalhes
  • Corinthians fechou a primeira fase na liderança e invicto no Paulista Feminino

    Corinthians vence Portuguesa e fecha primeira fase do Paulista Feminino líder invicto

    ver detalhes
  • Corinthians de Ronaldo foi eliminado pelo Tolima em 2011 e mesmo assim Tite seguiu como técnico

    Tite/11 x Loss/18: diferenças e semelhanças entre as crises corinthianas comparadas por Andrés

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes