Gabriel vê pausa para Copa do Mundo como primordial para ajustes no Corinthians

Gabriel vê pausa para Copa do Mundo como primordial para ajustes no Corinthians

Por Meu Timão

1.3 mil visualizações 44 comentários Comunicar erro

Volante do Timão, no empate sem gols diante do Vitória, neste sábado

Volante do Timão, no empate sem gols diante do Vitória, neste sábado

Foto: Rodrigo Coca/Ag.Corinthians

O Corinthians tem apenas um compromisso pela frente até ver o Campeonato Brasileiro ser paralisado para o início da Copa do Mundo de 2018, no dia 14 de junho. E essa pausa, que dura cerca de um mês, é vista com bons olhos por Gabriel. Na zona mista da Arena de Itaquera, onde o Timão apenas empatou com o Vitória na noite deste sábado, o volante apontou a importância do período, que deve ser usado para treinos mais completos.

"A gente sabe que vai ser primordial para a gente ter um pouco mais de treinamento. Viemos de 60 dias sem um dia de descanso. Realmente não temos muito espaço para acertar os detalhes que faltam para as vitórias voltarem a acontecer. Sabemos que não está bem, se estivesse estaríamos ganhando. Temos essa consciência. Temos certeza que vamos voltar mais fortes", assegurou.

"Ainda não acabou, tem o Bahia. Temos condições de voltar com os três pontos para subir na tabela e aí sim aproveitar essa parada recuperar mentalmente, fisicamente. Com a Libertadores mais pela frente, a Copa do Brasil, o Campeonato Brasileiro... que são nossos objetivos. Tenho certeza que vai dar tudo certo."

Leia também: Maycon evita falar em saída, mas chora ao relembrar história no Corinthians

O camisa 5 do Timão, que no duelo frente à equipe de Vagner Mancini deixou os gramados na segunda etapa para a entrada de Emerson Sheik, disse saber que o time comandado pelo técnico Osmar Loss não vive boa fase - em seis jogos disputados até aqui, os corinthianos somam três derrotas, dois empates e só uma vitória.

"A equipe vem sentindo essa falta de poder treinar, de aprimorar coisas que faltam em termo de passes, de finalização, de encaixe de marcação, que são primordiais para podermos fazer grandes partidas. Ainda mais com as tantas mudanças que temos tido ultimamente. É normal, mas nos incomodamos, eu tenho minha autocrítica, sabemos que não estamos tendo um bom momento".

"Mas o futebol é feito de momentos, e tenho certeza que esse bom momento irá voltar. Quarta-feira já temos uma nova chance frente ao Bahia. Depois respiramos e aproveitamos esse tempo para acertar o que está errando", encerrou.

Corinthians e Bahia medem força na próxima quarta-feira, dia 13, às 21h45. O duelo acontece no Estádio Itaipava Arena, a Fonte Nova, em Salvador, na Bahia, e é válido pela 12ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Veja mais em: Gabriel e Campeonato Brasileiro.

Veja Mais:

  • Em baixa na Alemanha, Jonathas volta à pauta do Corinthians, que busca empréstimo

    Corinthians volta a ter interesse no centroavante Jonathas

    ver detalhes
  • Lateral do Corinthians, Fagner será titular contra a Costa Rica

    Fagner ganha chance e será titular da Seleção Brasileira contra a Costa Rica

    ver detalhes
  • Jadson é vice-artilheiro do Corinthians em 2018, atrás apenas de Rodriguinho

    Corinthians e Jadson estão próximos de negociar renovação contratual

    ver detalhes
  • Corinthians venceu São José em partida épica na última quarta-feira

    Final épica de basquete entre Corinthians e São José iguala recorde de 1951 da NBA

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes