Diretor admite necessidade de diminuir folha salarial, mas projeta 2019 bom para o Corinthians

Diretor admite necessidade de diminuir folha salarial, mas projeta 2019 bom para o Corinthians

Por Meu Timão

5.8 mil visualizações 117 comentários Comunicar erro

Rosenberg acredita que segundo semestre de 2019 vai ser muito bom para o Corinthians

Rosenberg acredita que segundo semestre de 2019 vai ser muito bom para o Corinthians

Foto: Larissa Lima/Meu Timão

Após fechar o primeiro trimestre do ano no vermelho, o Corinthians já busca alternativas para oxigenar seu caixa. Uma das principais medidas, pelo menos para Luis Paulo Rosenberg, diretor de marketing do clube, é aliviar a folha salarial elevada do atual plantel alvinegro. Para isso, algumas vendas acabam sendo inevitáveis.

"Não há nada que se possa fazer para evitar essas saídas. Nossa folha salarial é das mais invejáveis do país. Nesse processo de reestruturação financeira, pelo menos por um ano, é essencial baixar ela um pouco. Mas o Corinthians não vai vender jogador para pagar despesa”, analisou o dirigente, em evento realizado na última terça-feira.

Leia também:
Saiba os quatro motivos que fazem Andrés Sanchez bancar Osmar Loss no comando do Corinthians
Após aumento no valor dos ingressos, médias de público e renda caem na Arena Corinthians
Diretor de futebol classifica elenco do Corinthians como bom e descarta 'loucuras' no mercado

Mesmo com os R$ 2,7 milhões de déficit no balanço publicado ainda neste mês, o otimismo prevalece para a próxima temporada. Além do alívio na folha e da cautela no mercado, Rosenberg já deixou claro que um patrocínio máster pode ser confirmado ainda em 2018.

“Se você for analisar o financeiro, que não é minha área, esse é um segundo semestre difícil pela frente. Aí o primeiro de 2019 vai ser de transição e o segundo vai ser muito bom”, pontuou.

O saldo negativo não é novidade no último balanço alvinegro. Divulgado em abril deste ano, o levantamento geral de 2017 apontou nada mais nada menos que R$ 35 milhões de déficit. Entre os motivos citados, a falta de um patrocinador para o principal espaço da camisa foi classificado como um dos fatores principais.

Veja mais em: Diretoria do Corinthians.

Veja Mais:

  • Cássio falhou no terceiro gol do São Paulo neste sábado

    Corinthians joga mal e perde clássico no Morumbi

    ver detalhes
  • Mateus Vital durante amistoso contra o Cruzeiro, na Arena Corinthians

    Shakhtar ofereceu quase R$ 40 milhões ao Corinthians por Mateus Vital

    ver detalhes
  • Jonathas anotou seu primeiro gol como jogador do Corinthians diante o São Paulo

    Loss e Rodriguinho são detonados, e só Jonathas 'se salva' em avaliação da torcida do Corinthians

    ver detalhes
  • Rodriguinho se emocionou ao se despedir do Corinthians

    Rodriguinho confirma saída e se emociona ao se despedir do Corinthians

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes