Lateral destaque no Sub-20 do Corinthians relembra saída de rival e diz se espelhar em Fagner

Lateral destaque no Sub-20 do Corinthians relembra saída de rival e diz se espelhar em Fagner

Por Meu Timão

10 mil visualizações 22 comentários Comunicar erro

Aos 17 anos, Daniel ganha cada vez mais minutos no time Sub-20

Aos 17 anos, Daniel ganha cada vez mais minutos no time Sub-20

Foto: AGFPublic / Adilson Gomes

Jogador do Sub-17, mas ganhando cada vez mais espaço no time Sub-20 do Corinthians, comandado por Eduardo Barroca, o jovem Daniel Marcos já viu sua vida e carreira mudarem completamente do dia para a noite. No ano passado, para se ter uma ideia, ele vestia as cores do rival Palmeiras.

"Eu entrei no Palmeiras aos 12 anos e fiquei lá até o final do ano passado, com 16. Conquistei alguns títulos lá, participei de torneios fora do país, mas acabei sendo dispensado no fim de 2017. Depois de um mês, eu vim fazer uma peneira aqui no Corinthians e consegui passar para integrar a categoria sub-17", relembrou o jovem, em entrevista ao Lance!.

"No fim do ano passado, eu e minha família estávamos bastante assustados. Começamos 2018 com alguns planos, pois eu já estava pensando em desistir do futebol ou recomeçar de baixo", completou.

Assim como a mudança de clube, sua ascensão no Corinthians também tem sido meteórica. Mesmo com os 17 anos de idade, Daniel já vem sendo utilizado com certa frequência na equipe Sub-20 alvinegra.

"Depois de um mês no Sub-17, o professor (Dyego) Coelho me chamou para fazer um treino no Sub-20 e me convocou para o jogo contra o São Paulo (0 a 0, no primeiro turno do Paulista Sub-20). Fiz uma boa partida e, desde então, fui ficando no Sub-20", vibra o atleta.

Enquanto Daniel dá seus primeiros passos na base do Corinthians, outro nome formado no Parque São Jorge vive importante momento do outro lado do mundo. Na Rússia, Fagner começou o embate da Seleção Brasileira contra a Costa Rica entre os titulares. Para o jovem, seu ídolo foi bem.

"Achei a estreia dele bastante segura. Ele começou bem o jogo, errou poucos passes. Quando ele errou o passe, conseguiu se recuperar, além de ter cruzado aquela bola que o Gabriel Jesus cabeceou no travessão. Se tem um jogador da base do Corinthians que eu me inspiro é o Fagner", analisou.

Veja mais em: Base do Corinthians, Corinthians Sub-20 e Corinthians Sub-17.

Veja Mais:

  • Zagueiro Chicão em 2013, durante ação do Corinthians voltada ao Valentine's Day

    Ex-zagueiro Chicão faz visita ao CT do Corinthians

    ver detalhes
  • 20 mil ingressos já foram vendidos para Corinthians e Internacional

    Corinthians divulga 20 mil ingressos vendidos para duelo contra Internacional

    ver detalhes
  • Cada louco com sua mania: Superstições Corinthianas | #86

    VÍDEO: Cada louco com sua mania: Superstições Corinthianas | #86

    ver detalhes
  • Último treino aberto na Arena teve até show pirotécnico

    Corinthians inicia reserva de ingressos para treino aberto na Arena com dois setores disponíveis

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes