Em partida morna, Corinthians empata sem gols contra a Inter de Limeira em jogo-treino no CT

22 mil visualizações 48 comentários

Por João Pedro Izzo

Matheus Matias teve chance no jogo-treino diante da Inter de Limeira

Matheus Matias teve chance no jogo-treino diante da Inter de Limeira

Rodrigo Vessoni/ Meu Timão

Após vencer o Cruzeiro por 2 a 0 pelo Campeonato Brasileiro, os jogadores e comissão técnica do Corinthians voltaram a trabalhar na tarde desta quinta-feira, no CT Joaquim Grava. Enquanto os titulares realizaram atividade regenerativa na parte interna, os reservas disputaram um jogo-treino contra a Inter de Limeira. O duelo, disputado em dois tempos de 30 minutos, terminou empatado em 0 a 0.

Como já citado, os jogadores que começaram a partida contra o Cruzeiro não foram utilizados pelo técnico Osmar Loss. No entanto, Paulo Roberto e Mateus Vital, que entraram no decorrer da partida desta quarta-feira, foram escalados para a atividade.

O Corinthians, portanto, iniciou o confronto contra a Inter de Limeira com: Walter; Paulo Roberto, Marllon, Vilson e Carlos Augusto; Rodrigo Figueiredo, Mateus Vital e Danilo; Emerson Sheik, Matheus Matias e Marquinhos Gabriel.

A Inter de Limeira foi escalada com: Moisés; Mizael; Vinicius, Diego Baiano, Calixto; Balardin, Marquinhos, Teco; Luís Roberto, Éder Paulista, Leleco. Técnico: João Valim.

Com todos os jogadores à disposição, o Corinthians volta a treinar na tarde desta sexta-feira, ainda no CT Joaquim Grava. Na sequência, a delegação embarca para Brasília, onde treina no sábado de manhã e enfrenta o Vasco, no domingo, às 11h, no Mané Garrincha.

Sobre o jogo

O treinador corinthiano mandou a campo uma equipe totalmente alternativa, dando chance para alguns atletas que não têm tido chances - como Emerson Sheik, Danilo, Thiaguinho, Rodrigo Figueiredo e Carlos Augusto -, além do retorno de Vilson, após longo tempo afastado por lesão.

Com os meias de origem Mateus Vital e Rodrigo Figueiredo atuando como volantes, o técnico Osmar Loss buscou melhorar a saída de bola da equipe, dando mais dinâmica. Marquinhos Gabriel iniciou pela esquerda, enquanto Emerson Sheik foi deslocado para o lado direito do ataque.

Aos 13 minutos, Emerson Sheik errou na construção de jogada pela direita, perdeu a bola e no contragolpe, a equipe adversária chutou rasteira pela entrada da área, mas sem ameaçar o goleiro Walter. O Corinthians chegou pela primeira vez somente aos 17: Marquinhos Gabriel cobrou escanteio pela esquerda, Matheus Matias cabeceou, mas acabou mandando por cima do gol.

Já aos 24 minutos, Osmar Loss trocou os lados dos pontas: Emerson Sheik foi para a esquerda e Marquinhos Gabriel para a direita. O próprio camisa 31 criou boa chance aos 27 minutos do primeiro tempo, quando invadiu a área, driblou o goleiro, mas, sem ângulo, acabou perdendo o domínio da bola, que saiu pela linha de fundo.

Paulo Roberto recebeu atendimento médico com 29 minutos, mas se recuperou rapidamente. Já com 30 minutos, foi decretado o fim da primeira etapa, que terminava morna e sem gols.

Na etapa final, Paulo Roberto deu lugar a Thiaguinho na lateral direita do Timão. A Inter de Limeira, por sua vez, voltou mais ligada. Aos quatro minutos, a equipe chegou com chute sem ângulo pela esquerda, no qual Walter defendeu em dois tempos. Mesmo com poucos lances de emoção durante o jogo, Mateus Vital trouxe um pouco de brilho ao jogo-treino quando deu lindo chapéu no marcador, aos 12 minutos do segundo tempo.

Com 14 minutos, Thiaguinho perdeu a disputa contra o adversário, que entrou na área e bateu na saída de Caíque França, que acabara de entrar no lugar de Walter. O goleiro alvinegro fez grande defesa. Aos 16, a melhor chance do Timão no jogo-treino até aquele momento: Emerson Sheik soltou pancada de fora da área e a bola explodiu na trave!

Três mudanças aconteceram aos 18 minutos: saíram Emerson Sheik, Vilson e Mateus Vital e entraram Bruno Xavier, João e Igor - os dois últimos são da equipe Sub-20 do Timão. Com as mudanças, Igor ocupou a lateral-direita, enquanto Thiaguinho passou a atuar como volante. Com 29 minutos, a última chance do Corinthians na partida aconteceu com Matheus Matias: o atacante driblou o goleiro Moisés e, mesmo caindo, bateu para o gol, porém, o arqueiro adversário defendeu para escanteio.

Sofrendo com o desentrosamento, a equipe corinthiana praticamente não criou chances e demonstrou falta de criatividade. De ponto positivo, a equipe mostrou solidez defensiva, mesmo com peças que nunca atuaram juntas na defesa.

Veja mais em: CT Joaquim Grava, Treino do Corinthians, Elenco do Corinthians e Osmar Loss.

Veja Mais:

  • Corinthians perde para Palmeiras por 1 a 0, no Allianz Parque, e não conquista tetracampeonato do Paulistão

    Jô marca no último lance, mas Corinthians é superado nas penalidades e perde título do Paulistão

    ver detalhes
  • Jô comemora com Everaldo seu gol no duelo com o Palmeiras, pela final do Paulistão

    Fiel distribui notas baixas, mas 'poupa' Cássio e Jô após revés do Corinthians; reserva beira o zero

    ver detalhes
  • Cássio volta a salvar Corinthians com boas defesas durante Dérbi

    Torcida do Corinthians exalta Cássio e Jô, mas lamenta pênaltis desperdiçados; veja repercussão

    ver detalhes
  • Tiago Nunes explicou as escolhas por Michel, Avelar, Cantillo, Sidcley e Jô na cobranças de pênaltis

    Tiago Nunes justifica escolha por batedores na decisão por pênaltis e exalta maturidade dos atletas

    ver detalhes
  • Andrés Sanchez não demora para se pronunciar após vice-campeonato do Corinthians

    Andrés Sanchez parabeniza Corinthians por entrega na final e diz que 'temporada ainda não acabou'

    ver detalhes
  • Corinthians estreia no Brasileirão na próxima quarta-feira

    O que você espera do Corinthians no Campeonato Brasileiro? Vote em enquete do Meu Timão!

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia: