Dois corinthianos são condenados por morte de palmeirense esfaqueado após Dérbi em 2017

Dois corinthianos são condenados por morte de palmeirense esfaqueado após Dérbi em 2017

Por Meu Timão

2.1 mil visualizações 89 comentários Comunicar erro

Justiça decretou regime semi-aberto para alvinegros acusados de homicídio

Justiça decretou regime semi-aberto para alvinegros acusados de homicídio

Foto: Danilo Augusto/Meu Timão

Entre os principais jogos do Brasileirão de 2017, o triunfo do Corinthians por 2 a 0, no Allianz Parque, não foi só de motivos para comemorar. Após a partida, disputada em 12 de julho, dois torcedores alvinegros foram acusados de homicídio por esfaquear um palmeirense. E nesta quinta-feira, o Tribunal de Justiça de São Paulo confirmou a condenação da dupla.

Os corinthianos foram enquadrados por homicídio privilegiado - quando é praticado sob efeito de compreensível emoção violenta. Ambos cumprirão a sentença em regime semi-aberto. As penas fixadas foram de cinco anos e dez meses para Anderson da Cruz Andrade e cinco anos para Nerivaldo Moura de Andrade. A vítima era Leandro Zanho, que deixou esposa e três filhos.

Junto de outros dois amigos, Leandro encontrou os corinthianos nos arredores do Allianz Parque, já na madrugada do dia 13 de julho de 2017. Em meio a discussão, uma briga se iniciou e o palmeirense foi atingido por dois golpes de facão no abdômen.

Em estado grave, a vítima chegou a passar por processo cirúrgico de urgência, mas não sobreviveu aos ferimentos e veio a óbito já na manhã daquela quinta-feira.

É válido destacar que na ocasião da morte do palmeirense, os clássicos já estavam sendo disputados com torcida única. A medida foi imposta pela Secretaria de Segurança Público e já está completando sua terceira temporada. O Meu Timão, em março, publicou um levantamento que mostra que, mesmo após a imposição, quatro torcedores já morreram em conflitos entre torcidas envolvendo os quatro clubes grandes de São Paulo - um deles é justamente o caso de Leandro Zanho.

Veja mais em: Violência no futebol.

Veja Mais:

  • Pedrinho recebeu oferta informal de 25 milhões de euros em julho

    Corinthians recusou contratações e contas no azul por Pedrinho antes de procura do Real Madrid

    ver detalhes
  • Mateus Vital comemora gol da vitória sobre o Vasco, ex-clube

    Veja a posição do Corinthians ao término da 35ª rodada do Campeonato Brasileiro

    ver detalhes
  • Andrés Sanchez retornou ao Brasil após viagem à Europa por reforços

    De volta da Europa, Andrés Sanchez indica reforços e nega possível saída de Pedrinho do Corinthians

    ver detalhes
  • Corinthians afirma que cadeiras da Arena foram quebradas por torcedores do Vasco

    Após vandalismos na Arena, Corinthians faz balanço de estragos e vai pedir ressarcimento ao Vasco

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes