Em espanhol, Romero fala sobre momento do Corinthians para imprensa chilena

Em espanhol, Romero fala sobre momento do Corinthians para imprensa chilena

Por Meu Timão

3.5 mil visualizações 33 comentários Comunicar erro

Romero é hoje um dos principais jogadores do elenco do Corinthians

Romero é hoje um dos principais jogadores do elenco do Corinthians

Rodrigo Coca/Ag. Corinthians

Protagonista do Corinthians neste retorno do calendário pós-Copa do Mundo, Ángel Romero foi o jogador alvinegro mais assediado pela imprensa chilena na chegada da delegação do Timão a Santiago, no fim de noite da última segunda-feira. Coube assim ao atacante paraguaio contextualizar os jornalistas locais sobre a situação da equipe paulista.

Fazendo-se valer de sua nacionalidade, Romero conversou em espanhol com a imprensa chilena e fez questão de explicar que o Corinthians vive um outro momento em relação ao primeiro semestre, quando somou tropeços inesperados na fase de grupos da própria Libertadores, torneio pelo qual enfrenta o Colo-Colo nesta quarta-feira à noite, pelo jogo de ida das oitavas de final. O Timão perdeu em casa para Independiente e Millonarios.

Leia também: Em desembarque, Cássio prioriza resultado e pede maturidade para o Corinthians na Libertadores

"Perdemos muitos pontos antes da Copa. Mas agora, depois da Copa, nos recuperamos. Estamos muito bem. Tivemos resultados positivos nas últimas quatro, cinco partidas. Mas agora é Libertadores e obviamente será difícil contra o Colo-Colo. Precisamos ser inteligentes e cautelosos (...) Colo-Colo tem jogadores experientes. Precisamos de concentração nos 90 minutos. Será importante estar atento", frisou o artilheiro do Timão na temporada.

"Libertadores é outra competição, as equipes são mais fortes em casa. Precisamos ser inteligentes nesta quarta-feira", reforçou, se referindo à partida entre Corinthians e Colo-Colo agendada para o estádio Monumental, casa da tradicional equipe chilena.

Ainda no bate-papo com os jornalistas, Romero admitiu pouco saber sobre a equipe do Colo-Colo - é prática comum no elenco do Corinthians as informações serem passadas aos jogadores pela comissão técnica na véspera das partidas.

"Será difícil. Sabemos o que representa o Colo-Colo, principalmente jogando em casa. Mas temos de fazer nossa partida. Ainda não sabemos muito sobre a equipe do Colo-Colo, mas certamente nos serão passadas as informações pela comissão técnica."

Por fim, Romero ainda foi abordado sobre o embate individual com Jorge Valdivia. O motivo? A rivalidade existente em solo brasileiro entre Corinthians e Palmeiras, clube pelo qual o hoje meia do Colo-Colo se tornou ídolo.

"Enfrentei uma vez quando ele era do Palmeiras. É um bom jogador, de seleção, experiente. Precisamos estar atentos", limitou-se a responder Romero, sem criar polêmicas.

Veja mais em: Romero e Libertadores da América.

Veja Mais:

  • Na segunda partida da temporada, Corinthians de Carille já conheceu o sabor da derrota

    Corinthians marca no início, mas leva virada e sofre primeira derrota no Campeonato Paulista

    ver detalhes
  • Gustagol sobe de cabeça contra zaga do Guarani; camisa 19 é ponto alto do Timão

    Gustagol é eleito craque, e trio de defensores decepciona na primeira derrota do Corinthians em 2019

    ver detalhes
  • Argentino Mauro Boselli já treina com bola e pode estrear no fim de semana

    Carille é cauteloso, mas não descarta estreia de Boselli contra Ponte Preta

    ver detalhes
  • Arana voltou a atuar pelo Sevilla, mas segue na mira do Corinthians

    Duílio garante que rumo das negociações não mudam após Arana voltar a atuar pelo Sevilla

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes