Roger vê Corinthians 'guerreiro', pontua desfalques e projeta jogo no Castelão

1.8 mil visualizações 35 comentários

Por Vinícius Souza e Rodrigo Vessoni, na Arena Corinthians

Roger teve atuação discreta em empate na Arena Corinthians

Roger teve atuação discreta em empate na Arena Corinthians

Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

O centroavante Roger viu com bons olhos o empate do Corinthians por 1 a 1 com o Atlético-MG, na noite de sábado, na Arena Corinthians. Para o camisa 9, o desempenho do Timão deve ser considerado positivo em razão da série de desfalques – seis atletas titulares não atuaram, sendo quatro por problemas físicos ou musculares.

“Eu não acho (que o time está sem confiança). Teve muita troca, já falei isso. Hoje (sábado) sem seis jogadores, bastante troca. Treinador não consegue escalar três ou quatro vezes a equipe”, declarou Roger na zona mista da Arena Corinthians.

Leia também: Corinthians explica baixas de titulares e de Sheik contra o Atlético-MG

Na avaliação do jogador, embora o Corinthians tenha finalizado pouco a gol (seis arremates, apenas dois no alvo), não faltou entrega. “Mais confiante, mais alegre, mais leve. Claro que seis jogadores (fora) fazem a diferença, estávamos um pouco mais entrosados. Hoje prevaleceu a luta, o empenho, do jeito que deu, é difícil”, acrescentou o atacante, que também assumiu ter sentido o ritmo de partidas:

“Hoje eu estava um pouco cansado devido à quarta-feira (diante do Colo-Colo) termos nos entregado bastante. Agora é descansar e não lamentar esse resultado. Se conseguirmos um grande resultado no Ceará, esse empate vai ser muito bom”.

O único gol corinthiano foi marcado por Pedrinho, em chute de fora da área. Roger, homem mais ofensivo do Timão frente ao Atlético-MG, procurou abrir espaços para meias e pontas, além de aumentar a presença de área dos donos da casa. Ainda assim, teve atuação discreta – tentou uma única finalização, para fora.

Opção para Loss, o centroavante quer estar em campo na quarta-feira, quando o Corinthians visita o Ceará no Castelão, em Fortaleza, às 20h, pela 23ª rodada do Campeonato Brasileiro.

“Tudo que aconteceu no jogo que fique no campo, a gente ficou com prejuízo da eliminação, mas essa ideia do jogo de quarta-feira é de hoje: correr, batalhar, lutar, não entregar os pontos. Importante nessa hora é não perder, já que você pega um Atlético com time preparado, descansado e muito bem treinado. Acho que pra quarta-feira, voltando todo mundo, dando opções pro treinador, podemos fazer um grande jogo lá”, finalizou.

Confira os melhores momentos

Veja mais em: Roger e Campeonato Brasileiro.

Veja Mais:

  • Duilio Monteiro Alves (então diretor de futebol), Richard e Jorge Kalil (então diretor adjunto) durante apresentação oficial, no início de 2019

    Corinthians e América-MG fazem acordo na Justiça por dívida milionária; pivô é atleta do Tottenham

    ver detalhes
  • Rafael segue em busca de conseguir um reembolso por seus ingressos comprados em 2020

    Torcedor aciona Procon contra o Corinthians por problemas com ingressos de antes da pandemia

    ver detalhes
  • Corinthians Feminino retorna à Neo Química Arena neste domingo para disputar uma vaga na semifinal do Brasileirão

    Corinthians abre venda de ingressos para decisão no Brasileirão Feminino na Neo Química Arena

    ver detalhes
  • Jogadores durante treino desta segunda-feira

    Corinthians treina no CT Joaquim Grava de olho na preparação para duelo decisivo na Copa do Brasil

    ver detalhes
  • Léo Mana foi convocado por Vítor Pereira ao time profisisonal

    Léo Mana é chamado ao profissional e desfalca o Corinthians em decisão no Sub-20

    ver detalhes
  • Guilherme Biro marcou um dos gols da vitória do Corinthians

    Corinthians controla o América-MG e larga na frente nas quartas de final do Brasileirão Sub-20

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia:

x