Corinthians repudia comentário de apresentador da Globo News; veja nota oficial

Corinthians repudia comentário de apresentador da Globo News; veja nota oficial

Por Meu Timão

77 mil visualizações 406 comentários Comunicar erro

Burnier fez piada durante cobertura jornalística do assalto na Arena Corinthians

Burnier fez piada durante cobertura jornalística do assalto na Arena Corinthians

Reprodução/TV

O Corinthians repudiou, por meio de nota oficial emitida na manhã desta terça-feira, a piada feita pelo jornalista e âncora do programa GloboNews em Ponto, José Roberto Burnier, na última segunda-feira. Ele havia comparado torcedores do Timão a ladrões.

Ao se referir ao assalto que vitimou, na madrugada de domingo, a concessionária responsável pela administração dos restaurantes da Arena Corinthians, Burnier indagou se "estão roubando o próprio time agora, é isso?". O comentário foi muito mal repercutido entre torcedores nas redes sociais, que acusaram o jornalista de discriminação.

O Corinthians, por meio de seu posicionamento oficial, fez críticas semelhantes: "o comentário além de ser de enorme insensibilidade com o drama das pessoas mantidas reféns pelos assaltantes na Arena, demonstra um preconceito de classe execrável e anacrônico", escreveu o clube (confira abaixo a nota na íntegra).

Cabe lembrar que, ainda na segunda-feira, em nota emitida ao portal Uol Esportes, a Globo afirmou que "o apresentador José Roberto Burnier jamais teve a intenção de ofender os corintianos, mas admite que, no improviso, acabou fazendo uma piada indevida que não reflete o pensamento dele e que, por isso, ele se desculpa." Nesta terça-feira, o próprio âncora utilizou seu espaço na Globo News para falar sobre a infeliz piada (assista abaixo).

O crime, conforme o Meu Timão antecipou, durou cerca de uma hora e fez 30 funcionários dos restaurantes da Arena Corinthians reféns. O trio de assaltantes levou R$ 150 mil em espécie, além de 30 aparelhos intercomunicadores, 20 celulares e dois relógios. Na lavratura do boletim de ocorrência, o assalto foi registrado como de autoria desconhecida.

Confira na íntegra a nota oficial emitida pelo Corinthians

O Sport Club Corinthians Paulista repudia e lamenta as palavras proferidas pelo jornalista e âncora do programa GloboNews em Ponto, José Roberto Burnier, na edição de ontem (03/9/18), pois ao permitir que sua paixão futebolística manifeste-se num comentário agressivo contra quase metade dos torcedores paulistas demonstra desprezo pelos mais básicos pilares do bom jornalismo, inaceitável e incompatível para quem trabalha em uma empresa com os mais altos padrões de qualidade como a Rede Globo.

O comentário além de ser de enorme insensibilidade com o drama das pessoas mantidas reféns pelos assaltantes na Arena, demonstra um preconceito de classe execrável e anacrônico. O “Time do Povo”, como também é conhecido o Corinthians, sente-se envaidecido pela paixão da Fiel composta por um bando de loucos de mais de 33 milhões de torcedores, todos muito orgulhosos da origem na classe trabalhadora do Timão que há 108 anos reuniu seus fundadores ao redor da luz de um lampião no bairro do Bom Retiro.

Veja mais em: Arena Corinthians e Torcida do Corinthians.

Veja Mais:

  • Maior campeão, com dez títulos, Timão tenta ser um dos semifinalistas da Copa São Paulo

    Corinthians pega Grêmio por vaga na semifinal da Copinha; saiba tudo

    ver detalhes
  • Timão divulga primeira relação de atletas inscritos no Estadual; lista ganhará novos jogadores

    Paulistão: Corinthians inscreve 19 nomes e reserva vagas a reforços; veja relação

    ver detalhes
  • Manoel posa com manto na sala de imprensa do CT; defensor é a oitava contratação para 2019

    Manoel recebe conselho de Mano e diz quando deve estar pronto para estrear no Corinthians

    ver detalhes
  • Agora em definitivo: Boselli é esperado no Brasil nesta sexta-feira

    Boselli inicia viagem para se reapresentar ao Corinthians

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes