Carille defende Loss e lista quatro problemas que derrubariam 'qualquer treinador' no Corinthians

Carille defende Loss e lista quatro problemas que derrubariam 'qualquer treinador' no Corinthians

Por Meu Timão

44 mil visualizações 162 comentários Comunicar erro

Osmar Loss e Fábio Carille trabalharam juntos no Corinthians de fevereiro de 2017 a maio de 2018

Osmar Loss e Fábio Carille trabalharam juntos no Corinthians de fevereiro de 2017 a maio de 2018

Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

O agora ex-técnico do Corinthians Osmar Loss foi defendido pelo último treinador a obter sucesso à frente do Timão. Em entrevista concedida nesta sexta-feira ao canal de televisão SporTV, Fábio Carille argumentou a favor se seu ex-auxiliar-técnico, sinalizando que qualquer profissional enfrentaria dificuldades no comando técnico da equipe alvinegra no atual cenário.

Para explicar sua defesa a Loss, Carille, hoje no Al-Wehda, pontuou quatro problemas que atrapalharam o trabalho do antecessor de Jair Ventura - e atrapalhariam qualquer treinador:

  • Desmanche na última janela de transferências;
  • Jogadores machucados;
  • Falta de tempo para treinar;
  • Foco em diversas competições simultaneamente.

"Qualquer treinador que estivesse lá teria uma queda. Quando se perde Balbuena, Rodriguinho, Maycon, Sidcley. Fagner machuca, Henrique teve que sair em algum momento. Não tem tempo de treinar, muitos jogadores sozinhos. Ano passado eram só duas competições, saímos na Sul-Americana e isso facilitou", declarou Carille.

"Qualquer treinador neste momento iria encontrar problemas", enfatizou.

Leia também:
Comentaristas esportivos aprovam contratação de Jair Ventura pelo Corinthians
Silêncio de Loss marca retorno do Corinthians a São Paulo
Jair revê no Corinthians centroavante que brilhou sob seu comando em 2017

Com Loss como auxiliar-técnico ao longo de quase toda sua trajetória como treinador do Corinthians, Fábio Carille teve aproveitamento de 62,5%, conquistando o bicampeonato paulista de 2017 e 2018 e o Campeonato Brasileiro de 2017. No comando do Timão, Osmar Loss obteve apenas 46,6% de aproveitamento - o segundo pior da década.

"É um período difícil não só para o Corinthians. Fico triste porque é uma pessoa que me ajudou muito e torci pelo sucesso, infelizmente não aconteceu. Vai chegar o Jair Ventura e espero que faça um grande trabalho pelo Corinthians", disse Carille, antes de apontar a melhora do sistema defensivo como primeira missão do novo treinador no Timão:

"O Corinthians tem uma forma de jogar, é uma forma que se assemelha ao que o Jair fez no Botafogo, muito bem protegido, defesa menos vazada", finalizou.

Jair Ventura deve ser apresentado como treinador do Corinthians após o treino desta tarde de sexta-feira, no CT Joaquim Grava. Osmar Loss volta a ser auxiliar-técnico.

O que esperar de Jair Ventura no Corinthians?

Veja mais em: Fábio Carille, Osmar Loss e Jair Ventura.

Veja Mais:

  • Jair viu Corinthians ser presa fácil na Arena da Baixada e sofrer nova derrota sob seu comando

    Cássio tem grande noite, mas Corinthians perde mais uma com Jair Ventura

    ver detalhes
  • Aberto pela direita, Pedrinho foi pouco efetivo em revés para Atlético-PR

    Cássio, Pedrinho, Jair: as avaliações da derrota do Corinthians na Arena da Baixada

    ver detalhes
  • Em Curitiba, Fiel viu Timão ser presa fácil mais uma vez em 2018

    Diretoria, elenco, Jair: Fiel aponta culpados por 'segundo semestre de rebaixado'

    ver detalhes
  • Com Jair, Corinthians tem oito derrotas em 17 partidas; clube assume chance de ter Carille em 2019

    Jair Ventura se posiciona sobre possível volta de Carille ao Corinthians

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes