'Jair do Corinthians' vê mérito em estilo defensivo, mas não abre mão de variações

18 mil visualizações 47 comentários

Por Vinícius Souza e Rodrigo Vessoni, no CT Joaquim Grava

Às vésperas de Dérbi, Jair comandou primeiro treino no Timão nesta sexta à tarde

Às vésperas de Dérbi, Jair comandou primeiro treino no Timão nesta sexta à tarde

Danilo Augusto/Meu Timão

Apresentado pelo Corinthians no início de noite desta sexta-feira, em entrevista coletiva no CT Joaquim Grava, Jair Ventura respondeu aos jornalistas sobre a principal característica de seu trabalho à frente do Botafogo em 2017: o exímio sistema defensivo do time carioca. Questionado sobre “qual Jair chegava ao Timão” – o do Botafogo ou o do Santos, cuja curta passagem durou 39 jogos e não deixou saudade –, o sucessor de Osmar Loss foi direto ao ponto:

“O Jair Ventura do Corinthians! O treinador de futebol, quando fiz meu primeiro curso, não vira treinador para jogar só de uma maneira. Você joga de acordo com o que tem. Não vai ser o Jair do Santos nem do Botafogo, vai ser o Jair do Corinthians”, antecipou o novo treinador alvinegro.

Os estilos de Corinthians e de Jair, ao menos na teoria, são bastante semelhantes. O clube se acostumou a vencer campeonatos abrindo mão da posse da bola, priorizando a marcação e o contra-ataque. Foi assim no Brasileirão-2017, por exemplo, conduzido por Fábio Carille.

Jair, que levou o Botafogo às quartas de final da Libertadores-2017 de forma parecida, valorizou o fato de ser reconhecido como técnico que sabe como montar boas defesas. Também disse, porém, que pretende lançar mão de outras formas de jogo.

O Corinthians já tem uma maneira de jogar, super vencedora, e isso facilita o trabalho. Lógico que o melhor trabalho vai ficar como referência, mas isso não impede de trabalhar de outras maneiras. O próprio Botafogo jogou com diversos sistemas. É extrair do jogador do melhor momento, independentemente da posição. Chego para ser o Jair do Corinthians, e não de outro clube que passei”, discorreu.

Leia também:
Novo treinador sobre a estreia em pleno Dérbi: 'Seria fácil me ausentar, mas eu gosto de desafios'
Jair Ventura esboça escalação para Dérbi em primeiro treino no Corinthians

“Vou ser bem sincero: hoje o treinador da Seleção Brasileira chegou lá fazendo um jogo defensivo, então isso não pode me incomodar. O Corinthians revelou diversos treinadores jogando dessa maneira. É motivo de orgulho saber que eu arrumo bem uma defesa, fazer o time jogar sem a bola, que é a grande dificuldade. Ninguém gosta de jogar sem a bola, e isso é motivo de orgulho fazer com que os atletas comprem sua ideia”, completou.

Aos 39 anos, Jair Ventura assinou contrato com o Corinthians até o fim de 2019, com opção de renovação automática. Ele estreia no comando técnico da equipe neste domingo, no clássico contra o rival Palmeiras, às 16h, pela 24ª rodada do Campeonato Brasileiro.

O que esperar de Jair Ventura no Corinthians

Veja mais em: Jair Ventura, Campeonato Brasileiro, Osmar Loss e Fábio Carille.

Veja Mais:

  • Cauê vinha sendo muito pedido pela torcida do Corinthians

    Corinthians confirma duas promessas na lista de relacionados para jogo contra o Internacional

    ver detalhes
  • Ao lado de Alessandro, Roberto Andrade voltou à diretoria do Corinthians em 2021; diretor ironizou proposta por Vital

    Diretor do Corinthians diz que proposta por Vital 'nem devia ter vindo' e explica situação de Walter

    ver detalhes
  • Lateral Fagner não viaja com o Corinthians para Porto Alegre nesta quarta-feira; defensor está fora do duelo contra o Internacional

    Corinthians confirma ausência de Fagner em último compromisso da equipe no Brasileirão 2020

    ver detalhes
  • Luidy foi contratado em janeiro de 2017, assinou contrato de quatro anos, treinou alguns dias no CT e foi emprestado para cinco clubes; atacante nunca atuou pelo Corinthians

    Corinthians é acionado na Justiça por Luidy, atacante que nunca jogou e custou R$ 4 milhões ao clube

    ver detalhes
  • Piton e Xavier foram os mais utilizados pelo Corinthians na temporada

    Corinthians só usou sete nomes da base na temporada e apenas três passaram de dez jogos; veja raio-x

    ver detalhes
  • River no caminho, gordinho brigão e desabafo de Fagner: as tretas do Corinthians na Sul-Americana

    VÍDEO: River no caminho, gordinho brigão e desabafo de Fagner: as tretas do Corinthians na Sul-Americana

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia:

x