Lateral do Corinthians analisa vice no Paulista Feminino: 'Garra e determinação não faltou'

Lateral do Corinthians analisa vice no Paulista Feminino: 'Garra e determinação não faltou'

4.7 mil visualizações 19 comentários Comunicar erro

Corinthians ficou com o vice-campeonato do Paulista Feminino de 2018

Corinthians ficou com o vice-campeonato do Paulista Feminino de 2018

Foto: Bruno Teixeira

O Corinthians ficou perto de conquistar o título inédito no Campeonato Paulista Feminino neste sábado, mas a comemoração voltou a ser adiada. A equipe empatou por 2 a 2 diante do rival Santos na finalíssima do Estadual, realizada no Parque São Jorge, e acabou ficando com o vice-campeonato. O grupo de Arthur Elias perdeu o jogo de ida por 1 a 0, na Vila Belmiro.

A perda da taça foi lamentada pela lateral-direita Katiuscia, que fez questão de ressaltar a vontade da equipe alvinegra. As meninas do Timão chegaram a abrir o placar com um gol relâmpago de Marcela, com um minuto de jogo, e viram as santistas empatarem. Érika colocou o time da casa na frente, aos sete minutos do primeiro tempo, mas o rival voltou a igualar o placar próximo ao apito final.

"A garra e a determinação não faltou. Infelizmente, quando a gente virou o jogo ficamos um pouco expostas e não conseguimos controlar o jogo, para realmente ser campeã. Foi isso, faltou o gol. A vontade e a determinação não", disse Katiuscia em entrevista ao Meu Timão.

A lateral-direita garantiu que a derrota no primeiro clássico da final não teve impacto na busca pelo título, principalmente pela força que equipe demonstrou atuando em casa. "Não (pesou), porque tínhamos total condição de ganhar aqui (no Parque São Jorge) também. Faz parte. Infelizmente não vencemos, mas quinta-feira tem mais uma decisão e vamos com tudo", apontou.

Leia também:
Sub-17 do Corinthians faz bonito, goleia e está classificado às quartas de final do Paulista
Corinthians vence Botafogo-SP fora de casa e assegura classificação às quartas do Paulista Sub-15

E apoio não faltou para a mulherada do Timão. A torcida compareceu em peso nas arquibancadas do Estádio Alfredo Schürig, a Fazendinha, e ditou o tom decisivo do clássico. Vale destacar que todos os ingressos distribuídos gratuitamente pelo Corinthians para a final foram reservados, para o local não atingiu sua lotação máxima neste sábado.

"Extraordinário (o apoio da Fiel), eu realmente nunca vi isso. No apito final, a torcida cantou mais ainda, e isso só nos motiva. Dá para ver que eles estão com a gente, estão juntos com a gente", relembrou Katiuscia, se derretendo pela torcida corinthiana.

Com a taça do vice-campeonato nas mãos, a equipe feminina do Corinthians volta sua atenção para a semifinal do Campeonato Brasileiro da modalidade. O grupo alvinegro enfrenta o Flamengo pelo jogo de volta do mata-mata na próxima quinta-feira, às 20h (horário de Brasília).

A decisão também será realizada na Fazendinha e o Timão precisa de uma vitória para avançar a final do Nacional, já que perdeu por 2 a 1 na ida. Segundo Katiuscia, a partir de agora o Corinthians tem foco máximo no Brasileirão.

"Temos que passar quinta-feira e fazer de tudo para sermos campeãs", encerrou.

Veja mais em: Corinthians feminino.

Veja Mais:

  • Andrés Sanchez retornou ao Brasil após viagem à Europa por reforços

    De volta da Europa, Andrés Sanchez indica reforços e nega possível saída de Pedrinho do Corinthians

    ver detalhes
  • Corinthians afirma que cadeiras da Arena foram quebradas por torcedores do Vasco

    Após vandalismos na Arena, Corinthians faz balanço de estragos e vai pedir ressarcimento ao Vasco

    ver detalhes
  • Jogadores reservas foram a campo no treino de hoje no CT

    Com Vital recuperado, Corinthians inicia preparação para partida contra Atlético-PR

    ver detalhes
  • Carlos Augusto em ação pela Seleção Brasileira Sub-20; lateral é esperado em Curitiba nesta quarta

    Corinthians define logística para contar com Carlos Augusto contra o Atlético-PR

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes