Cruzeiro e Arena Corinthians: Pedrinho e Léo Santos viveram batismo diante da Fiel há três anos

Cruzeiro e Arena Corinthians: Pedrinho e Léo Santos viveram batismo diante da Fiel há três anos

34 mil visualizações 39 comentários Comunicar erro

Mãos aos céus: Pedrinho agradece gol decisivo que colocou Corinthians na final da Copinha-16

Mãos aos céus: Pedrinho agradece gol decisivo que colocou Corinthians na final da Copinha-16

Agência Corinthians

A finalíssima da Copa do Brasil, na noite desta quarta-feira, na Arena em Itaquera, às 21h45, será especial para dois jogadores do elenco do Corinthians. Revelados nas categorias de base do clube, Pedrinho e Léo Santos reencontrarão o Cruzeiro, time contra qual disputaram vaga à decisão da Copa São Paulo de Futebol Júnior de 2016, há quase três anos, no mesmo estádio.

Na noite de 22 de janeiro daquele ano, as equipes Sub-20 de Corinthians e Cruzeiro se enfrentaram na Arena Corinthians, também palco do duelo desta quarta, pela semifinal da Copinha. O Timãozinho, um dos favoritos ao título e comandado por Osmar Loss, precisava de uma vitória qualquer para avançar à final do torneio.

Leia também:
Corinthians projeta maior renda de sua história na final contra o Cruzeiro; veja valor
Cássio tenta manter incrível sequência de nunca ter perdido uma decisão pelo Corinthians
Artilheiro da Arena Corinthians, Romero faz seu 100º jogo no estádio na decisão da Copa do Brasil

Da dupla, somente Léo Santos iniciou o confronto como titular. A escalação alvinegra foi a seguinte:

  • Filipe; Léo Príncipe, Vinícius Del’Amore, Léo Santos e Guilherme Romão; Warian Ameixa, Maycon e Matheus Pereira; Gustavo Tocantins, Léo Jabá e Gabriel Vasconcelos.

Calma pós-erro individual

Embora atuando dentro de seus domínios, a equipe do Parque São Jorge viu o Cruzeiro sair na frente já no primeiro tempo. Léo Santos falhou na marcação, Rick Sena chutou de primeira e colocou no canto esquerdo de Filipe.

A história da partida começaria a mudar nos minutos iniciais do segundo tempo, quando Loss sacou Tocantins e Warian para as respectivas entradas dos atacantes Claudinho e Pedrinho. As substituições deram mais velocidade ao time corinthiano pelas beiradas do campo. E foi assim que os donos da casa igualaram o placar.

Depois de cruzamento de Pedrinho, o goleiro Lucão subiu para fazer o corte e a bola sobrou para Claudinho. Da entrada da área, o atacante mandou por cobertura e marcou golaço em Itaquera, para delírio de Loss e explosão da Fiel presente em Itaquera. Era o Corinthians de volta ao jogo!

Pintura de Claudinho!

Vira virou!

Pedrinho, então, tratou de resolver o assunto e colocar o clube na final da competição mais importante de base do país. Em bela tabela na área, Claudinho recebeu na esquerda, cruzou, a bola passou por todos e sobrou para o garoto alagoano. De primeira, ele arriscou um voleio e virou o marcador.

Pedrinho é o nome dele!

Com direito a gritos de “olé” da torcida no fim, o Corinthians derrotou o Cruzeiro por 2 a 1 e avançou à finalíssima da Copinha. Partida que marcou a “primeira vez” de Léo Santos e Pedrinho na Arena e ao lado da Fiel. Nesta quarta-feira, eles voltam ao estádio e encaram o mesmo oponente, agora na divisão profissional, valendo o título da Copa do Brasil-2018.

Cadê ele?!

Dos titulares que duelaram com o Cruzeiro naquela semi de Copinha, apenas o goleiro Filipe segue no Corinthians – além de Pedrinho e Léo obviamente. O arqueiro é hoje quarta opção para a meta alvinegra, atrás de Cássio, Walter e Caíque França, e portanto não estará à disposição de Jair Ventura no banco de reservas.

Veja mais em: Especiais do Meu Timão, Copinha, Léo Santos, Pedrinho, Base do Corinthians, Corinthians Sub-20, Copa do Brasil, Arena Corinthians e Torcida do Corinthians.

Veja Mais:

  • Na segunda partida da temporada, Corinthians de Carille já conheceu o sabor da derrota

    Corinthians marca no início, mas leva virada e sofre primeira derrota no Campeonato Paulista

    ver detalhes
  • Gustagol sobe de cabeça contra zaga do Guarani; camisa 19 é ponto alto do Timão

    Gustagol é eleito craque, e trio de defensores decepciona na primeira derrota do Corinthians em 2019

    ver detalhes
  • Argentino Mauro Boselli já treina com bola e pode estrear no fim de semana

    Carille é cauteloso, mas não descarta estreia de Boselli contra Ponte Preta

    ver detalhes
  • Arana voltou a atuar pelo Sevilla, mas segue na mira do Corinthians

    Duílio garante que rumo das negociações não mudam após Arana voltar a atuar pelo Sevilla

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes