Antes de final, Andrés fala de amizade com Mano Menezes e abre portas para eventual retorno

Antes de final, Andrés fala de amizade com Mano Menezes e abre portas para eventual retorno

Por Meu Timão

18 mil visualizações 78 comentários Comunicar erro

Mano Menezes teve duas passagens pelo Corinthians

Mano Menezes teve duas passagens pelo Corinthians

Daniel Augusto Jr/Agência Corinthians

Adversário do Corinthians nesta quarta-feira, Mano Menezes tem bonita história no clube. Parte da primeira gestão de Andrés Sanchez, o treinador devolveu o Timão à elite do Brasileirão, conquistou um Paulista e a própria Copa do Brasil.

Além das conquistas, a amizade com o presidente também se manteve desde os tempos de Parque São Jorge. E o próprio mandatário fez questão de deixar isso claro.

"Além de ser uma excelente pessoa, Mano está entre os três melhores treinadores da América Latina. Sou amigo dele em qualquer situação. É uma das pessoas que mais respeito no futebol. Tomara que volte no futuro, será muito bem recebido", disse Andrés, em entrevista ao GloboEsporte.com.

Leia também:
Artilheiro da Arena Corinthians, Romero faz seu 100º jogo no estádio na decisão da Copa do Brasil
Corinthians duela com Cruzeiro na Arena pelo título da Copa do Brasil; saiba tudo

Depois de primeira passagem vitoriosa pelo Timão, vale lembrar, o técnico deixou o clube para comandar a Seleção Brasileira, em 2010. No ano seguinte, Sanchez assumiu o cargo de diretor de seleções e seguiu trabalhando com o gaúcho - que voltaria ao Timão em 2014, desta vez com Mário Gobbi na presidência.

Apesar da falta de títulos na segunda passagem, o técnico tem certa influência no atual plantel alvinegro, que disputa final contra o Cruzeiro nesta quarta-feira, às 21h45. Foi dele o aval para trazer nomes como Jadson, Fagner e Romero.

Amigos, amigos, negócios...

Embora deixem claro que a amizade está mantida desde os tempos de Corinthians, Mano e Andrés viveram momento de desentendimento recentemente. Em 2016, o técnico gaúcho insinuou favorecimento da arbitragem ao Timão, em duelo pela Copa do Brasil. Na oportunidade, o mandatário alvinegro detonou a declaração do técnico gaúcho, destacando sua decepção com o teor da entrevista.

"Tenho um carinho muito grande por ele, mas ele foi irresponsável", disse Andrés.

Veja mais em: Andrés Sanchez.

Veja Mais:

  • Na segunda partida da temporada, Corinthians de Carille já conheceu o sabor da derrota

    Corinthians marca no início, mas leva virada e sofre primeira derrota no Campeonato Paulista

    ver detalhes
  • Gustagol sobe de cabeça contra zaga do Guarani; camisa 19 é ponto alto do Timão

    Gustagol é eleito craque, e trio de defensores decepciona na primeira derrota do Corinthians em 2019

    ver detalhes
  • Argentino Mauro Boselli já treina com bola e pode estrear no fim de semana

    Carille é cauteloso, mas não descarta estreia de Boselli contra Ponte Preta

    ver detalhes
  • Arana voltou a atuar pelo Sevilla, mas segue na mira do Corinthians

    Duílio garante que rumo das negociações não mudam após Arana voltar a atuar pelo Sevilla

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes