'Outros 40%' motivam Michel Macedo em 'disputa complicada' no Corinthians

'Outros 40%' motivam Michel Macedo em 'disputa complicada' no Corinthians

Por Vinícius Souza e Rodrigo Vessoni

3.9 mil visualizações 51 comentários Comunicar erro

Fagner vs Michel Macedo: recém-chegado quer aproveitar brechas em 2019

Fagner vs Michel Macedo: recém-chegado quer aproveitar brechas em 2019

Daniel Augusto Jr/Agência Corinthians/Montagem

Apresentado como reforço na tarde da última quarta-feira, Michel Macedo chega ao Corinthians com status de reserva de luxo de Fagner, dono da lateral direita alvinegra durante as últimas cinco temporadas. Mas, afinal de contas, por que o jogador brasileiro, de vasta carreira no futebol europeu, topou encarar o desafio de disputar posição com um atleta do nível do camisa 23? Dentre as possíveis respostas, uma pode até despertar curiosidade, mas é simples: pelos “outros 40%”.

O Meu Timão explica: Fagner tem 39 partidas oficiais pelo Corinthians em 2018. Embora “intocável” por sua qualidade técnica e pelo o que representa dentro do elenco, esteve fora de outros 25 jogos da equipe – 40% do total, portanto.

O alto número de ausências do lateral, seja por convocações ou lesões, obrigou os treinadores que passaram pelo comando técnico Corinthians este ano (Fábio Carille, Osmar Loss e, agora, Jair Ventura) a improvisar. Como mostra levantamento recente do Meu Timão, oito jogadores foram utilizados no lado direito da defesa ao menos uma vez desde o início da temporada, justamente porque Fagner estava fora de combate ou a serviço da Seleção na Copa da Rússia.

Leia também: Arrependido, novo reforço explica por que não fechou com Corinthians no meio do ano

Em entrevista coletiva no CT Joaquim Grava, Michel projetou o enfrentamento a Fagner em 2019. O recém-chegado foi só elogios ao hoje número um do setor, mas adiantou que pretende utilizar o período daqui até janeiro para chegar bem na pré-temporada e “dar trabalho” ao camisa 23.

“O Fagner é um excelente jogador, não à toa está na Seleção. Vim para buscar meu espaço, com humildade, para dar o meu melhor nos treinos. Para, quando ter oportunidade, me sair bem. Mas vai ser uma disputa complicada”, admitiu Michel. “Espero me sair bem no ano que vem”, completou.

Carioca, Michel começou a carreira nas divisões de base do Flamengo. Ainda passou por Almería (ESP) e Atlético-MG até ser contratado pelo Las Palmas (ESP), em 2016. Ele estava livre no mercado desde julho, quando seu contrato com o clube espanhol chegou ao fim, e assinou sem custos com o Timão por três temporadas, até o fim de 2021.

Saiba mais curiosidades acerca do novo reforço corinthiano para 2019 clicando aqui!

Confira lances de Michel Macedo, nova “sombra” de Fagner

Números de Fagner pelo Timão em 2018

  • 39 jogos
  • 20 vitórias
  • 7 empates
  • 12 derrotas
  • 57,2% de aproveitamento
  • 9 cartões amarelos
  • Nenhuma expulsão

Veja mais em: Fagner, Michel Macedo e Contratações do Corinthians.

Veja Mais:

  • Corinthians fez dois gols no final do jogo e garantiu a classificação

    Corinthians vira no fim, despacha o Avenida e avança na Copa do Brasil

    ver detalhes
  • Quem para o homem?! - Gustagol comemora oitavo gol pelo Corinthians em 2019

    Atacantes do Corinthians empatam na eleição do craque da segunda fase da Copa BR; veja avaliações

    ver detalhes
  • Urso beija escudo do Corinthians ao comemorar primeiro gol pelo clube

    Carille se encanta com Sornoza e valoriza credenciais de Urso: 'Sei que o corinthiano gosta'

    ver detalhes
  • Avelar é dúvida para compromisso do fim de semana; Timão se reapresenta nesta quinta

    Avelar deixa Arena mancando e pode se tornar desfalque para Carille

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes