Eduardo Barroca projeta repetir 'geração 97' e aprova criação de time Sub-23 do Corinthians

Eduardo Barroca projeta repetir 'geração 97' e aprova criação de time Sub-23 do Corinthians

Por Meu Timão

3.0 mil visualizações 43 comentários Comunicar erro

Eduardo Barroca foi o convidado de Andrés Sanchez nesta terça-feira

Eduardo Barroca foi o convidado de Andrés Sanchez nesta terça-feira

Foto: Reprodução/Corinthians TV

Diante do momento financeiro complicado do Corinthians, a torcida alvinegra espera ainda mais pela utilização das categorias de base. Com alguns nomes de destaque em alta entre os torcedores, o técnico Eduardo Barroca projetou uma geração de sucesso em breve, repetindo o que fizeram Malcom, Maycon, Arana e cia.

"Temos uma safra de bons jogadores, que já estão fazendo esse processo final de transição. Tenho certeza que no fim dessa safra, alguns vão estar prontos para servir o profissional em alto nível. Difícil individualizar. Esperamos poder repetir uma safra 97, que teve Maycon, Malcom e Guilherme Arana. Todos em altíssimo nível", explicou, em participação no Papo Reto, apresentado por Andrés Sanchez na Corinthians TV.

"Como esse processo ainda não está completo, esperamos concluir esse ciclo de transição para que jogadores cheguem em boa condição de dar resultado esportivo para o Corinthians", completou.

Leia também:
Sonho europeu faz capitão rescindir com Corinthians dois meses após renovação; agente critica clube
Lateral põe Corinthians forte na briga pela vaga na final do Paulista Sub-20: 'Camisa muito pesada'

Ainda pensando no futuro, Barroca aprovou a criação de um time Sub-23 no Timão, projeto que vem sendo cogitado para 2019 - Osmar Loss, inclusive, poderia ser o treinador da equipe. Para o comandante do time Sub-20, uma equipe desta categoria seria extremamente útil para o desenvolvimento de atletas do clube.

"Tem muitos jogadores que batem a idade de 20 anos e muitas vezes, ou não estão maturados ou as circunstâncias do profissional não permitem que possa acontecer essa transição", analisou.

"O Sub-23 é uma oportunidade de você continuar maturando o jogador com o nível de exigência do clube, ofertando toda a estrutura, com o treinador do profissional acompanhando tudo de perto. Nas necessidades pontuais, o jogador está aqui dentro e pode ser utilizado para a equipe principal", concluiu.

Ex-Botafogo, Eduardo Barroca chegou ao Corinthians para substituir Dyego Coelho, promovido ao cargo de auxiliar da equipe profissional. Amigo antigo de Jair, o treinador tem aproximado muito o Sub-20 do time principal.

Veja mais em: Corinthians Sub-20 e Andrés Sanchez.

Veja Mais:

  • Avelar tende a receber nova chance como titular do Corinthians na capital paranaense

    Carlos joga 45 minutos pela Seleção Sub-20, e Corinthians deve ter Avelar contra Atlético-PR

    ver detalhes
  • Carlos Augusto, que está na Seleção Brasileira Sub-20, embarca de Goiânia; Vital e os demais viajam para Curitiba saindo de São Paulo

    Com Carlos Augusto, Corinthians relaciona 23 jogadores para enfrentar o Atlético-PR

    ver detalhes
  • Corinthians caiu nas oitavas de final da Sul-Americana 2017, para o Racing (ARG)

    Menos tenso, Corinthians busca a Sul-Americana 2019; seis motivos mostram importância do torneio

    ver detalhes
  • Andrés Sanchez e Matias Ávila participaram do Papo Reto desta terça-feira

    Déficit do Corinthians sobe para R$ 26 milhões, mas diretoria comemora ao comparar com 2017

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes