Juiz manda Corinthians entregar taça do Mundial; Andrés faz piadas e promete solução em 48 horas

Juiz manda Corinthians entregar taça do Mundial; Andrés faz piadas e promete solução em 48 horas

Por Lucas Faraldo e Rodrigo Vessoni, no CT Joaquim Grava

53 mil visualizações 964 comentários Comunicar erro

Taça penhorada por decisão judicial (à direita) ainda está no Memorial do Parque São Jorge

Taça penhorada por decisão judicial (à direita) ainda está no Memorial do Parque São Jorge

Foto: Rodrigo Vessoni/Meu Timão

O Corinthians recebeu mandado para entregar a taça do Mundial de Clubes de 2012 como penhora por dívida com o Instituto Santanense de Ensino Superior. A determinação foi feita pelo juiz Luis Fernando Nardelli, da 3ª Vara Cível de São Paulo, expedida nesta quinta-feira.

Reivindicando R$ 2,5 milhões de suposta dívida de 2008, a universidade havia entrado na Justiça com a solicitação de penhora na quarta-feira. Por meio de nota oficial, o Corinthians minimizara o pedido da credora, a acusando de "ferir a ordem legal de preferência dos bens passíveis de penhora com único intuito de gerar efeito midiático infundado."

Até o início de tarde desta quinta-feira, o troféu do Mundial de 2012 estava exposto no Memorial do Parque São Jorge, conforme mostra a fotografia acima, da reportagem do Meu Timão. De acordo com o mandado, o clube tem 48 horas para entregar a taça.

Posicionamento do Corinthians

O presidente Andrés Sanchez concedeu nesta tarde de quinta-feira entrevista coletiva no CT Joaquim Grava para prestar esclarecimentos. O mandatário adotou tom zombeteiro, fazendo piadas sobre clubes que não têm título mundial e sugerindo que os advogados da universidade somente entraram com o pedido de penhora por torcerem para outro time.

Andrés prometeu pagar o valor exigido pela universidade em até 48 horas.

"Pelo menos o Corinthians tem taça do Mundial para penhorar, né? Temos terrenos, ônibus, carro, temos patrimônio. Mas preferiram a taça do Mundial porque é provado que temos dois Mundiais", iniciou o discurso.

"Processo desde 2005, 2006 se não me engano. Era uma faculdade que tinha dentro do Parque São Jorge. Anos depois teve um rompimento. Os dois entraram na Justiça. Faculdade tem a receber, Corinthians também, estamos negociando há dois meses para fazer um acordo e estava avançado. Infelizmente os advogados quiseram uma nota midiática e fazer esse negócio da taça do Mundial. Nós em 48 horas vamos resolver isso sem problema. Não tem mais o acordo. Vamos resolver. O que nos cabe a pagar vamos pagar. Depois vamos esperar nosso processo para receber nossa parte. É uma ação midiática. Devem torcer para outro time os advogados e fizeram isso", concluiu.

Andrés Sanchez falou com a imprensa nesta quinta no CT

Andrés Sanchez falou com a imprensa nesta quinta no CT

Rodrigo Vessoni/Meu Timão

A batalha judicial

O Instituto Santanense, mantenedor da UniSant'Anna, já havia tentado bloquear parte da premiação do Timão pelo vice-campeonato da Copa do Brasil, conquistado no último dia 17 de outubro. A Confederação Brasileira de Futebol (CBF), entretanto, depositou os R$ 10 milhões restantes antes de receber a intimação – ela pagara R$ 10 milhões inicialmente.

Para o credor, houve conluio entre Corinthians e CBF para evitar que o dinheiro fosse bloqueado. A empresa diz que o assunto se tornou público no dia 22, antes de a entidade transferir a quantia. Também argumenta que o Timão enviou um recibo de quitação à mesma CBF três dias antes, em 19 de outubro.

“É inconteste que o Executado tinha ciência do pleito formulado pelo Exequente e, assim, em conluio com a CBF buscou adiantar o recebimento do prêmio ao qual fazia jus, frustrando, assim, o cumprimento da determinação judicial de bloqueio desses valores”, relata o documento de solicitação da penhora ao qual o portal Uol teve acesso na quarta-feira

A dívida do Corinthians com a UniSant'Anna teve início dez anos atrás. A universidade chegou a alugar determinado espaço dentro do Parque São Jorge, sede social do clube, onde montou um campus. Contudo, segundo a própria, o Timão passou a impedir o acesso de alunos e funcionários, obrigando-a a buscar indenização

Confira o mandado de penhora da taça do Mundial de Clubes de 2012 do Corinthians

Mandado penhora taça

Meu Timão

Veja mais em: Diretoria do Corinthians e Andrés Sanchez.

Veja Mais:

  • Avelar tende a receber nova chance como titular do Corinthians na capital paranaense

    Carlos joga 45 minutos pela Seleção Sub-20, e Corinthians deve ter Avelar contra Atlético-PR

    ver detalhes
  • Carlos Augusto, que está na Seleção Brasileira Sub-20, embarca de Goiânia; Vital e os demais viajam para Curitiba saindo de São Paulo

    Com Carlos Augusto, Corinthians relaciona 23 jogadores para enfrentar o Atlético-PR

    ver detalhes
  • Corinthians caiu nas oitavas de final da Sul-Americana 2017, para o Racing (ARG)

    Menos tenso, Corinthians busca a Sul-Americana 2019; seis motivos mostram importância do torneio

    ver detalhes
  • Andrés Sanchez e Matias Ávila participaram do Papo Reto desta terça-feira

    Déficit do Corinthians sobe para R$ 26 milhões, mas diretoria comemora ao comparar com 2017

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes