Cássio opina sobre protesto no CT e faz apelo à torcida do Corinthians: 'Caldeirão contra o Vasco'

Cássio opina sobre protesto no CT e faz apelo à torcida do Corinthians: 'Caldeirão contra o Vasco'

Por Lucas Faraldo e Rodrigo Vessoni, no CT Joaquim Grava

6.0 mil visualizações 52 comentários Comunicar erro

Cássio concedeu entrevista coletiva na véspera de decisivo jogo contra o Vasco

Cássio concedeu entrevista coletiva na véspera de decisivo jogo contra o Vasco

Rodrigo Vessoni/Meu Timão

Um dos maiores ídolos do atual elenco do Corinthians, Cássio teve uma espécie de "papo reto" com a torcida alvinegra na tarde desta sexta-feira, no CT Joaquim Grava. Nem tão reto, na verdade... Por intermédio da imprensa, durante entrevista coletiva, o camisa 12 do Timão falou sobre (e para) os torcedores corinthianos nesta reta final do Campeonato Brasileiro.

Leia também:
Corinthians não cai, Cássio? Capitão se posiciona sobre declaração de Jair Ventura
'Fator Arena' pode evitar o rebaixamento do Corinthians no Campeonato Brasileiro; veja números
Com Jair Ventura, Corinthians foi vazado em quase 90% dos jogos; vitória só quando fez dois gols

Especificamente sobre o jogo deste sábado à noite, contra o Vasco, às 19h, na Arena, em Itaquera, Cássio fez um pedido à torcida: incendiar as arquibancadas para empurrar a equipe alvinegra rumo à importantíssima vitória - se perder, o Timão não apenas é ultrapassado pelos cariocas como pode acabar a 35ª rodada empatado em número de pontos com a primeira equipe da zona de rebaixamento (hoje a distância é de apenas três pontos).

"A torcida está chateada, mas precisamos da Fiel torcida, precisamos nos unir, fazer da Arena um caldeirão e vencer o Vasco", declarou o capitão corinthiano.

Na contramão do apoio esperado para sábado, porém, há um protesto agendado justamente para esta sexta-feira, na porta do CT, durante o treinamento que sucede a própria entrevista coletiva de Cássio. A Gaviões da Fiel, principal uniformizada do clube, convocou seus associados e também torcedores comuns para marcarem presença no local diante dos maus resultados dentro de campo e do crescimento do risco de rebaixamento.

Cássio foi questionado sobre o assunto. Apesar de reticente à eficiência do protesto, o goleiro sinalizou respeito ao direito dos torcedores de se posicionarem diante da má fase da equipe.

"É uma torcida que nos apoia muito, acredito que pelos resultados, a gente não vem ganhando, neste momento se você mais o resultado, ele é mais importante do que se vem apresentando, mas jogamos no Corinthians, time de massa, todo mundo tem direito de ter opinião", argumentou Cássio.

"Neste momento que esta afunilando é muito mais importante o apoio que a crítica, mas jogar em time grande é isso mesmo. Temos que trabalhar. Não sei como será o comportamento, mas sei que amanhã no estádio vai ser apoio incondicional por 90 minutos", completou.

Veja mais em: Cássio, Torcida do Corinthians e Campeonato Brasileiro.

Veja Mais:

  • Carille retornou da Arábia Saudita para assumir o Corinthians em 2019

    Com festa da Fiel, Carille desembarca no Brasil e fala pela primeira vez sobre retorno ao Timão

    ver detalhes
  • Carille explicou perfil de contratações indicadas à direção alvinegra

    Sem estrelas: Carille traça perfil de contratações do Corinthians e rasga elogios a Ramiro

    ver detalhes
  • Sornoza fez boa temporada no Fluminense; meia já foi finalista da Libertadores com o Independiente del Valle

    Sem envolver jogadores, Corinthians e Fluminense chegam a acordo por transferência de Sornoza

    ver detalhes
  • Corinthians já anunciou cinco reforços para 2019

    Com Ramiro, Corinthians se torna clube da Série A com mais contratações para 2019

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes