Ministério Público define torcida única para embate entre Corinthians e Guarani, no Paulistão 2019

Ministério Público define torcida única para embate entre Corinthians e Guarani, no Paulistão 2019

Por Meu Timão

9.7 mil visualizações 78 comentários Comunicar erro

Torcida do Corinthians não poderá comparecer ao Estádio Brinco de Ouro

Torcida do Corinthians não poderá comparecer ao Estádio Brinco de Ouro

Daniel Augusto Jr./Agência Corinthians

Enquanto o plantel do Corinthians aproveita suas férias, a torcida alvinegra já se programa para apoiar a equipe no Paulistão, primeira competição disputada pelo clube em 2019. Para os torcedores de Campinas, uma notícia ruim surgiu nos últimos dias: o embate contra o Guarani, na segunda rodada, terá torcida única no Estádio Brinco de Ouro.

A confirmação foi feita pelo promotor do Ministério Público Paulo Castilho, em entrevista concedida à Rádio Bandeirantes.

"A princípio, já está determinado que os times grandes, incluindo agora o Guarani, terão torcida única. Isso é resultado do comportamento violento que as próprias torcidas organizadas têm apresentado, somados aos altos níveis de redução dos índices indicadores de violência com a implementação da medida", afirmou.

Leia também:
Richard comemora acerto com o Corinthians: 'Hoje realizo meu maior sonho'
Corinthians anuncia contratação de Richard
Corinthians pode selar retorno de Castán em reunião nesta segunda-feira

O jogo entre Corinthians e Guarani, vale destacar, está marcado para um quarta-feira, dia 23 de janeiro, na cidade do Interior. A decisão também se aplicaria caso o embate fosse na Arena em Itaquera - a Ponte Preta também está inserida na medida, junto de Palmeiras, São Paulo e Santos.

"O histórico nos leva a isso. Por exemplo, vai jogar Corinthians e Guarani, na capital. A carga de ingressos chega na mão das organizadas. E não queremos isso. Porque a torcida organizada do Corinthians, sabendo que vem organizada do interior, se prepara para emboscada. A do interior se arma para reagir a emboscada. E isso transforma os arredores do jogo em uma praça de guerra", argumento o promotor.

"Nós cortamos o mal pela raiz. A medida, infelizmente, atinge o torcedor comum, mas você tem que olhar para a segurança como uma questão geral", completou.

Antes de visitar o Guarani, cabe ressaltar, o Timão tem reencontro marcado com a Fiel. No primeiro jogo oficial da temporada, a equipe alvinegra encara o São Caetano, na Arena. O embate está marcado para o dia 20 de janeiro.

Veja mais em: Campeonato Paulista.

Veja Mais:

  • Corinthians tem sete marcas estampadas no uniforme em 2019

    Uniforme do Corinthians já vale quase R$ 80 milhões; saiba os valores das sete marcas

    ver detalhes
  • Gabriel ainda não tinha treinado com bola em 2019

    Com duas novidades em campo, Corinthians se reapresenta após estreia do Paulistão

    ver detalhes
  • Timãozinho segue treinando forte para encarar o Vasco, pela semifinal da Copinha

    Semifinal da Copinha e dois confrontos pelo Paulistão: a agenda do Corinthians na semana

    ver detalhes
  • Duilio Monteiro Alves, diretor de futebol, falou em nome da diretoria na Arena Corinthians

    Luan, Love, Arana, Romero e Ramires: diretor do Corinthians atualiza negociações

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes