A uma semana da estreia, projetamos a primeira escalação do Corinthians de Carille em 2019

A uma semana da estreia, projetamos a primeira escalação do Corinthians de Carille em 2019

123 mil visualizações 652 comentários Comunicar erro

Jadson talvez seja uma das poucas certezas na escalação do Corinthians para 2019

Jadson talvez seja uma das poucas certezas na escalação do Corinthians para 2019

Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

A pré-temporada mal começou, mas não se engane: a bola está prestes a rolar para o Corinthians em 2019. Falta exata uma semana para o Timão dar o pontapé inicial no ano novo, em amistoso contra o Santos, na Arena, em Itaquera, no próximo domingo.

Diante desse cenário, o Meu Timão traz abaixo uma projeção da provável escalação de Fábio Carille neste primeiro compromisso alvinegro da temporada. Cabe lembrar que ainda não houve esboço da equipe titular, por parte do treinador, nos treinos já realizados.

Ah! As projeções não refletem a opinião do Meu Timão, mas sim o que já foi trabalhado e/ou solicitado por Carille. Deixe abaixo, nos comentários, sua opinião e sugestão de escalação.

Projeção sobre o Corinthians neste início de 2019

Esquema tático: 4-2-3-1

Foi assim que Fábio Carille optou jogar quando tinha à disposição um centroavante confiável (Jô, em 2017). A tendência é a fórmula se repetir (ou ao menos ser testada num primeiro momento) com Mauro Boselli na função de homem-gol. Cabe lembrar que um volante (Richard) e dois meias (Ramiro e Sornoza) também chegaram para reforçar um povoado meio de campo.

Goleiro: Cássio

Fábio Carille era auxiliar-técnico quando, em 2016, Cássio perdeu a condição de titular absoluto para Walter. Acompanhou de perto a queda e também a ascensão do goleiro, que voltaria a se consolidar como principal peça da equipe justamente no ano seguinte, sob comando do agora treinador Carille. Assim seguiu em 2018 com protagonismo até maior.

Não há dúvida sobre a manutenção de Cássio como titular em 2019. Walter segue assim como reserva de extrema confiança no elenco alvinegro.

Zagueiros: Henrique e Léo Santos

Henrique era titular confiável de Fábio Carille quando formava dupla com Balbuena. Se nenhum zagueiro for contratado para 2019, a tendência é Léo Santos seguir titular pela sequência engatada no segundo semestre do ano passado.

Há de se mencionar, porém, que Pedro Henrique era o reserva imediato de Balbuena e Henrique quando Carille era o treinador. Ele inclusive era tido pela diretoria como moeda de troca para 2019 e foi mantido no elenco justamente após conversa com o treinador.

Marllon, muito solicitado por torcedores, não foi escalado uma vez sequer por Carille. Assim sendo, é improvável imaginá-lo ganhando chances logo de cara na atual temporada. Cabe ressaltar, porém, que foi elogiado pelo treinador em sua apresentação na última quarta-feira.

Laterais: Fagner e Danilo Avelar

Titular da Seleção Brasileira na Copa do Mundo da Rússia, Fagner não tem a mínima chance de perder a condição de titular. A diferença para 2018 é que agora o Corinthians tem um reserva para a posição nos jogos em que o camisa 23 for baixa: Michel Macedo.

Na ala esquerda, Danilo Avelar inicia o ano como titular. Primeiro porque Carlos Augusto está com a Seleção Sub-20 no Sul-Americano da categoria. Segundo porque Carille tem como uma das principais missões, já declaradas publicamente, "salvar" o jogador, que em princípio tem contrato até junho com o Timão.

Volantes: Ralf e Douglas

É sem dúvida o setor de maior incógnita para este início de nova era Carille. Ralf e Thiaguinho terminaram 2018 titulares e em alta. Por isso, era de se imaginar que seguiriam na equipe ao menos por ora. No primeiro treino tático focado na defesa, porém, Carille testou Ralf e Douglas como volantes, num indicativo da eventual dupla principal.

Entretanto, muita coisa pode (ou não) acontecer: Renê Júnior era muito querido por Carille, mas sofreu com lesões ao longo de toda a temporada passada e agora está recuperado e correndo contra o tempo para entrar em forma. Gabriel é homem de confiança do treinador, mas viu Ralf ganhar espaço no segundo semestre de 2018. Richard e o próprio Douglas são bem vistos pela diretoria e assim eram também pela antiga comissão técnica, mas ambos foram contratados sem aprovação de Carille, não sendo assim nomes "absolutos".

Meias (e meias-atacantes): Ramiro, Jadson e Romero

O trio tende a ser titular sob comando de Carille neste início de temporada. Jadson é a única certeza. Ramiro foi contratado a pedido do treinador, se destacou no Grêmio como ponta-direita e assim deve ser testado no Corinthians. No lado oposto, Romero, homem de confiança de Carille, deve seguir titular muito em função da importância defensiva num lado do campo em que Avelar não passa (ao menos ainda) muita confiança.

A delicada situação contratual de Romero e a forte concorrência do setor no atual elenco, porém, podem mudar o cenário do paraguaio para as próximas semanas. Pedrinho, Mateus Vital, Clayson e até Ángelo Araos podem ser utilizados por lá. Há ainda o equatoriano Sornoza, também solicitado por Carille, e cuja polivalência pode ser explorada por todo o meio de campo corinthiano. Correm por fora, ao menos num primeiro momento, os atacantes Sergio Díaz, Gustavo Silva e André Luiz.

Centroavante: Mauro Boselli

O argentino de 33 anos será titular absoluto do Corinthians em 2019 e não há dúvida sobre isso. A questão específica sobre o amistoso da semana que vem contra o Santos é a disponibilidade ou não do jogador, que passará os próximos dias no México resolvendo problemas pessoais. Ainda não se sabe se haverá tempo suficiente para, em seu retorno ao CT Joaquim Grava, treinar na equipe titular e já ser escalado no clássico em Itaquera. O reserva imediato deve ser Gustavo, artilheiro do país em 2018 quando emprestado ao Fortaleza.

Correm (bem) por fora Roger e Jonathas, que tiveram um 2018 ruim e têm inclusive futuro incerto no Corinthians na atual temporada.

A escalação

Possível escalação do Corinthians janeiro/2019

Meu Timão

Cássio, Fagner, Léo Santos, Henrique e Danilo Avelar; Ralf e Douglas; Ramiro, Jadson e Romero; Boselli

Veja mais em: Escalação do Corinthians, Fábio Carille e Corinthians x Santos.

Veja Mais:

  • Gustagol fez o segundo do Corinthians e recolocou a equipe à frente do placar contra o São Paulo

    Corinthians vence São Paulo com gols de Gustavo e Manoel e mantém supremacia de meia década

    ver detalhes
  • Gustavo e Love tiveram algumas das melhores notas do Corinthians no Majestoso

    Gustagol é eleito craque do Majestoso; veja quem mais se destacou e quem destoou entre corinthianos

    ver detalhes
  • Vagner Love rebateu fala de Tiago Volpi na saída do gramado da Arena Corinthians

    Goleiro do São Paulo acusa Love de má intenção; camisa 9 do Corinthians ri e responde

    ver detalhes
  • Corinthians provocou São Paulo nas redes sociais

    Após vitória, Corinthians provoca São Paulo com 'talheres' e versões de 'boi do Piauí'

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes