Corinthians recebe bônus de quase R$ 100 mil da FPF por gestão do futebol

Corinthians recebe bônus de quase R$ 100 mil da FPF por gestão do futebol

Por Meu Timão

6.6 mil visualizações 55 comentários Comunicar erro

Capitão Alessandro (à esq.) foi um dos homens fortes do futebol do Timão em 2018; ele deixou clube em janeiro

Capitão Alessandro (à esq.) foi um dos homens fortes do futebol do Timão em 2018; ele deixou clube em janeiro

Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

O departamento de futebol do Corinthians recebeu R$ 80 mil da Federação Paulista de Futebol (FPF) nesta quarta-feira. A quantia se refere à premiação promovida pela entidade à gestão dos clubes paulistas ao longo da temporada de 2018.

Atual bicampeão estadual, o Timão foi classificado na categoria Ouro, mais alta do Programa de Excelência, faturando assim R$ 80 mil. Embolsaram o mesmo valor outras oito equipes do estado: Bragantino, Desportivo Brasil, Grêmio Novorizontino, Ituano, Santos, São Paulo, Sertãozinho e XV de Piracicaba.

Onze clubes profissionais ficaram na categoria Prata. São eles: Audax, Botafogo, Capivariano, Ferroviária, Juventus, Mirassol, Nacional, Ponte Preta, Red Bull Brasil, São Bernardo e São Caetano.

Por fim, na categoria Bronze, foram contemplados Água Santa, Guarani, Linense, Paulista, Portuguesa, Rio Claro, São Bento, Taubaté e Votuporanguense.

A cerimônia de premiação ocorreu nesta quarta, no Museu do Futebol, situado dentro do estádio do Pacaembu, e reuniu presidentes e representantes de times de todas as divisões do futebol paulista, além da diretoria da federação e autoridades do esporte.

De acordo com a FPF, 97% das agremiações das Séries A-1 e A-2 do Paulistão toparam participar do programa de desempenho, que avalia anualmente dez quesitos: base, torcida, infraestrutura, negócios, atletas e comissão técnica, desempenho técnico, futebol feminino, recursos humanos, filiação e gestão e finanças.

Leia também: Ferroviária cai em casa, mas se mantém à frente do Corinthians; veja tabela atualizada

Rival na geladeira...

Da primeira divisão paulista, somente um time ficou fora: o Palmeiras, que rompeu relações com a entidade depois da histórica final do Paulistão-2018, justamente contra o Corinthians, campeão do torneio. A equipe da Barra Funda, portanto, não faturou um único centavo.

“O envolvimento dos clubes tem crescido consideravelmente desde sua implementação, em 2016. Os clubes estão preparando melhor seus relatórios com resultados mensais, estão se preocupando mais com os resultados de suas gestões, suas atividades e seus ambientes”, declarou a gerente de qualidade da FPF, Kelly Franzoni, à frente do programa. “As expectativas para a edição 2019 são as melhores”, completou.

Em 2018, o Corinthians foi campeão paulista, acabou eliminado da Copa Libertadores nas oitavas de final (pelo Colo-Colo, do Chile), foi vice da Copa do Brasil (derrotado pelo Cruzeiro) e terminou o Campeonato Brasileiro na 13ª colocação, a 15 pontos do G6 e a apenas dois da zona de rebaixamento.

Veja mais em: Diretoria do Corinthians.

Veja Mais:

  • Cássio falou com a reportagem do Meu Timão na tarde desta quinta no CT

    Ao Meu Timão, Cássio analisa primeiro gol do Avenida-RS; goleiro enaltece reação da equipe

    ver detalhes
  • Avelar comemorando o seu gol contra o Avenida, pela Copa do Brasil

    Gols importantes viram marca de Danilo Avelar no Corinthians

    ver detalhes
  • Romero durante treino do Corinthians. Jogador segue sem atuar pela equipe

    Rosenberg não vê solução para caso Romero no Corinthians, mas defende jogador

    ver detalhes
  • Gustavo comemora seu gol contra o Avenida durante a vitória pela Copa do Brasil

    Gustavo confirma renovação com o Corinthians até 2022

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes