Jô, Rincón e até auxiliar de Carille em campo: o único jogo entre Corinthians e Ferroviário

Jô, Rincón e até auxiliar de Carille em campo: o único jogo entre Corinthians e Ferroviário

Por Meu Timão

2.7 mil visualizações 25 comentários Comunicar erro

Jô ainda estava em sua primeira passagem pelo Corinthians no jogo contra Ferroviário

Jô ainda estava em sua primeira passagem pelo Corinthians no jogo contra Ferroviário

Reprodução

Corinthians e Ferroviário-CE se enfrentam na noite desta quinta-feira, às 21h, no estádio do Café, em Londrina (PR), pela primeira fase da Copa do Brasil. Será o segundo confronto das equipes na história. O primeiro e até aqui único duelo foi travado há 15 anos.

E foi também na Copa do Brasil. Mas em 2004. Pela segunda fase, o Corinthians venceu o Ferroviário no Castelão, em Fortaleza, pelo placar de 2 a 0. Pelo regulamento da época, esse era o placar mínimo para a equipe visitante eliminar a partida de volta. O Timão acabaria eliminado nas quartas de final, pelo Vitória. O Santo André foi o campeão.

Algumas curiosidades chamam atenção em relação à escalação do Corinthians. Ainda em sua primeira passagem, o então novinho Jô era atacante titular naquela equipe ao lado de Gil e Bobô. Passada mais de uma década, o centroavante voltaria ao Timão para fazer história como heptacampeão nacional e primeiro artilheiro de Brasileirão da história alvinegra.

Outro atleta cuja presença naquela escalação pode surpreender muita gente é Rincón. Sim, Freddy Rincón, o colombiano capitão do Corinthians no título mundial de 2000. Naquela temporada de 2004, ele voltou ao Timão para aquele que seria seu último ano como jogador profissional. Teve passagem discreta assim como praticamente toda aquela equipe.

E quem diria... Um auxiliar-técnico de Fábio Carille também estava em campo! Trata-se de Fabinho, ex-volante com passagens pelo Corinthians entre 2001 e 2004 e depois 2008 e 2009. Ele se aposentou em 2013 e é funcionário do Timão desde 2017.

Ainda chama atenção o responsável por aquela escalação: ninguém menos que Oswaldo de Oliveira, naquela que era sua segunda passagem pelo Corinthians - teria nova chance em 2016, durando apenas dois meses no cargo. O treinador deixou seu nome marcado na história alvinegra com o título do Mundial de Clubes de 2000.

Ah! Para não falarem que só nos lembramos do Corinthians, três jogadores de nomes no mínimo inusitados estavam naquele Ferroviário: Glaydstone, Stênio e Pastor - sim, só Pastor.

Escalações de Ferroviário 0 x 2 Corinthians, em 2004

Corinthians: Rubinho, Vinicius Fininho, Váldson, Anderson e Rogério; Fabrício, Fabinho e Rincón; Bobô, Gil e Jô. Técnico: Oswaldo de Oliveira

Ferroviário: Anderson, Cláudio, Carlihos, Cícero César e Arildo; Marcelo Rocha, Pastor, Glaydstone e Júnior Cearense; Stênio e Maurício Pantera. Técnico: Palmieri

Gols: Jô e Wilson

Veja mais em: Copa do Brasil, História do Corinthians, Ex-jogadores do Corinthians e .

Veja Mais:

  • Junior Urso está relacionado para seu primeiro jogo pelo Corinthians

    Primeira vez de Junior Urso! Corinthians relaciona 23 jogadores para clássico contra São Paulo

    ver detalhes
  • Forte chuva caiu no Parque Ecológico durante treino do Corinthians deste sábado

    Corinthians finaliza preparação para Majestoso; veja provável escalação

    ver detalhes
  • Arena Corinthians é a casa do Timão desde maio de 2014

    Fundo da Arena Corinthians abate R$ 260 milhões de dívida com Odebrecht

    ver detalhes
  • Torcedor do Corinthians tem 'compromisso majestoso' na noite deste domingo em Itaquera

    Fiel garante 39 mil ingressos para Corinthians x São Paulo; resta um setor disponível

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes