Departamento médico do Corinthians comemora período sem lesões e detalha pré-temporada do clube

1.5 mil visualizações 22 comentários Comunicar erro

Por Meu Timão

Grande parte do elenco corinthiano está a disposição da comissão técnica

Grande parte do elenco corinthiano está a disposição da comissão técnica

Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

O Corinthians se classificou para as quartas de final do Campeonato Paulista e irá enfrentar a Ferroviária já neste domingo. Depois de grande sequência de jogos importantes, o técnico Fábio Carille pode comemorar o fato de estar chegando para novas decisões com grande parte do elenco a sua disposição.

Quem se exalta pelo feito é a comissão técnica e departamento médico do clube, que conseguiram trabalhar de forma eficiente durante os primeiros meses do ano e garantiram que o plantel inteiro esteja disponível para o treinador na segunda fase do Paulistão. No geral, 98% do elenco esteve disponível durante as primeiras 19 partidas da equipe.

"O que mais chamou a atenção nesse início de trabalho, nesse primeiro período, foi a taxa alta de disponibilidade dos jogadores para o treinador. Foram apenas 2% de atletas que ficaram fora de treinos ou jogos. Essa taxa alta de disponibilidade é atribuída à toda estrutura do nosso centro de treinamento, associada a alguns equipamentos adquiridos nessa temporada e a todo o departamento médico, de fisioterapia e preparação física", destacou o fisioterapeuta Luciano Rosa, ao site oficial do Corinthians.

"Foi feito um trabalho, uma metodologia em cima dos resultados das avaliações da pré-temporada, para que pudéssemos fazer um trabalho preventivo com controle individual. Os resultados são obtidos de forma individual para cada jogador e a partir daí é programado um trabalho estratégico para cada jogador para que consigamos uma prevenção mais eficaz", completou.

A academia do CT Joaquim Grava auxilia a comissão a evitar lesões para os atletas

A academia do CT auxilia a comissão a evitar lesões para os atletas

Divulgação/Corinthians

Com uma grande equipe e um CT de altíssimo nível, foi possível identificar planos individuais para cada atleta, fazendo com que a ocorrência de uma lesão ou desgaste muscular fosse muito baixa.

"Em cima dos resultados das avaliações feitas no dia 3 de janeiro, diagnosticamos o que precisaria ser feito. Junto com o departamento de fisiologia, planejamos quais treinos seriam eficazes para condicionar a equipe e trabalhar com a prevenção, que é importante na pré-temporada. Tivemos o primeiro jogo uma semana depois das avaliações. E depois começamos a nos programar para atingir um ponto positivo um tempo à frente. Foram 19 jogos em 11 semanas, o que deu quase um jogo a cada 2,3 dias. Fora o deslocamento das viagens. O número de intercorrências musculares foi muito baixo (apenas um até agora). O restante foi traumático (decorrente de pancada)", completou o preparador físico Walmir Cruz.

Leia também:
Andrés projeta 'alguns problemas' com VAR no Paulistão e aponta favorito à conquista do torneio
Corinthians inicia mata-mata do Paulistão com dez jogos de invencibilidade; veja retrospecto
Dinélson fala ao Meu Timão sobre ligação atual com o Corinthians e lembra bastidores de 2005

Para complementar, o fisiologista Antonio Carlos Fedato Filho explicou alguns detalhes específicos para conseguir alcançar o alto desempenho de todos os atletas sem que isso leve a uma lesão com o esforço.

"O controle de carga é um trabalho dos mais importantes nesse monte de informação. Temos que tentar fazer com que o atleta se machuque menos e deixar o maior número de atletas disponíveis para o treinador. Isso faz com que a qualidade de treino e de jogo melhore. É um conjunto de informações coletadas, desde a parte nutricional, de prevenção de lesões... Tudo isso serve para direcionar um trabalho que será feito pelo atleta. Com essas informações, fazemos ajustes de disfunções físicas. Alguns ajustes de intensidade e volume de treino. Isso faz com que a carga de treino seja a ideal para cada atleta. Isso diminui o risco que o atleta corre de sofrer uma lesão no treinamento ou no jogo", disse Antonio Carlos.

Quem estava afastado por conta de uma lesão e acabou perdendo os últimos jogos é o atacante Gustagol. O problema, no entanto, foi causado durante uma chegada de um adversário, que causou uma entorse no seu joelho. A expectativa é de que ele retorne já neste domingo para a disputa das quartas de final do Paulistão.

Veja mais em: Departamento Médico e Treino do Corinthians.

Veja Mais:

  • Andrés Sanchez também caminhou pelo CT e confirmou a presença de Nunes no local

    Saiba como foi o primeiro dia de Tiago Nunes no Corinthians e em São Paulo

    ver detalhes
  • Tarcísio Pugliese recusou o convite de Nunes para ser auxiliar no Parque São Jorge. 

    Técnico do XV de Piracicaba recusa proposta de Tiago Nunes para ser auxiliar no Corinthians

    ver detalhes
  • Júnior Urso participou de vídeo do Corinthians contra o racismo

    Urso se emociona ao falar de racismo em vídeo divulgado pelo Corinthians; Fuller também participa

    ver detalhes
  • Zagueiro não conseguiu chances no profissional do Corinthians

    Corinthians antecipa término de contrato e zagueiro formado na base deixa o clube

    ver detalhes
  • Corinthians chegou a sua quarta vitória no NBB

    Em noite inspirada de Pecos, Corinthians supera Paulistano e chega a cinco vitórias no NBB

    ver detalhes
  • Restam três caminhos ao Corinthians de 2020

    VÍDEO: Restam três caminhos ao Corinthians de 2020

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia: