Carille torce por volta de Gil ao Corinthians e admite que mantém contato diário com o defensor

7.7 mil visualizações 65 comentários

Por Meu Timão

Gil chegou ao Corinthians em janeiro de 2013

Gil chegou ao Corinthians em janeiro de 2013

Rodrigo Coca/Fotoarena

Gil é o grande sonho da diretoria do Corinthians para a próxima janela de transferências. A negociação, porém, não é nada fácil. Mas, ciente das dificuldades, o alvinegro conta com um fator positivo que pode facilitar o retorno do defensor ao clube: a amizade entre o jogador e Fábio Carille.

Ambos trabalharam juntos de 2013 a janeiro de 2016, quando o treinador ainda era auxiliar. A ligação da dupla é tão forte que nem mesmo a distância atrapalhou a parceria. Questionado sobre a situação, Carille admitiu que mantém contato diário com Gil e também reforçou o desejo de contar com o jogador, que pertence ao Shandong Luneng, da China.

“Eu tenho abertura com o Gil. Falei com Urso, mas sempre no final das conversas eu digo: "Faça o melhor para você". Eu falo com o Gil quase todo dia, se for buscar no WhatsApp... Muitas brincadeiras, ele é um amigão que eu fiz. Falo com ele quase todos os dias e ele sabe da minha vontade. Mas sei que é uma briga grande, não só com os clubes brasileiros. Sei porque ele me passa. E sei que, se acontecer de ele sair de lá, a diretoria vai atrás”, disse ao GloboEsporte.com.

“Ele tem contrato até dezembro. Sei que o Gil é inteligente e tem o salário alto, não sei se ele vai sair antes (do fim do contrato). Mas, quando ele sair, a briga vai ser grande, o Corinthians vai brigar, mas sei que é difícil”, acrescentou.

Leia também:
Grande participação ofensiva e boa marcação: conheça Matheus Jesus, nova contratação do Corinthians
Dirigente do Flamengo provoca Andrés e anuncia time reserva antes de enfrentar Corinthians
Corinthians quer vender até dois jogadores em 2019; Pedrinho, Gustagol e Léo Santos foram sondados

Desde que deixou o clube, em 2016, Gil só defendeu as cores do Shandong Luneng, da China. Durante esse período, porém, nem a torcida e muito menos a comissão técnica esqueceram do zagueiro, que já teve seu retorno ao Timão cogitado no início desta temporada.

Com vínculo válido até o dia 17 de janeiro no clube chinês, Gil, a partir de 17 de julho, pode assinar um pré-contrato com qualquer equipe. Sendo assim, o Timão tenta a liberação do defensor, de 32 anos, já na próxima janela de transferências, mas sabe que terá concorrência de outros clubes brasileiros.

Pelo Corinthians, Gil ganhou Paulista (2013), Recopa Sul-Americana (2013) e Brasileirão (2015). Foram 184 jogos disputados e sete gols marcados pelo alvinegro.

Em tempo: conforme divulgado pelo Meu Timão, Gil e Corinthians já conversam por um possível retorno, tendo conversas bem encaminhadas com o presidente Andrés Sanchez - em suas redes sociais, vale lembrar, o ex-camisa 4 alvinegro negou as conversas com o Timão.

Veja mais em: Fábio Carille, Mercado da bola e Gil.

Veja Mais:

  • Marcelinho Carioca fez inúmeras críticas aos jogadores e ao técnico Sylvinho durante live no canal oficial do Corinthians

    Críticas e palavras de Marcelinho Carioca incomodaram jogadores e Sylvinho no CT do Corinthians

    ver detalhes
  • Ao Meu Timão, Kyle Fuller fala sobre sua volta ao clube do Parque São Jorge e relação com a torcida

    Fuller conta ao Meu Timão detalhes de seu retorno ao Corinthians e projeta reencontro com a torcida

    ver detalhes
  • Mandaca marcou o gol da segunda vitória do Corinthians em dois jogos na atual fase do Paulista Sub-20

    Corinthians vence São Caetano em casa e segue 100% na segunda fase do Paulista Sub-20

    ver detalhes
  • O técnico Mano Menezes em sua apresentação, em 2014, ao lado do hoje diretor de futebol, Roberto de Andrade

    Duilio descarta chance de Mano Menezes assumir o Corinthians durante o seu mandato, diz Neto

    ver detalhes
  • Luan, Cantillo e Giuliano em penúltimo treino antes de enfrentar o Internacional

    Corinthians faz atividades específicas em penúltimo treino antes de visitar o Internacional

    ver detalhes
  • Tcheco permaneceu sob contrato entre os anos de 2010 e 2012, mas atuou pelo clube apenas na primeira temporada, sendo emprestado nas demais

    Justiça do Trabalho define valor de indenização do Corinthians ao ex-meia Tcheco

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia:

x