Corinthians segue com dificuldades na criação e troca muito passes no campo de defesa

Corinthians segue com dificuldades na criação e troca muito passes no campo de defesa

10 mil visualizações 137 comentários Comunicar erro

Corinthians não jogou bem neste sábado, em Itaquera

Corinthians não jogou bem neste sábado, em Itaquera

Danilo Fernandes/ Meu Timão

Os mais de 36 mil alvinegros que foram ao jogo entre Corinthians e Grêmio não deixaram a Arena satisfeitos com o futebol apresentado pelos comandados de Fábio Carille. Como tem sido em grande parte dos jogos, o time alvinegro criou poucas oportunidades e fez partida de muitos passes sem objetivo.

Embora demonstre certa solidez defensiva, não deixando que o bom time gremista criasse muitas chances, o Timão não soube o que fazer com a bola no pé, rodando-a entre os defensores sem conseguir fazer a transição até o campo de ataque. E quem ajuda a notar essa deficiência são os números do embate - dados do Footstats.

Roda, roda, roda e roda...

O Corinthians terminou a partida com 48% da posse de bola, mas estatísticas mais aprofundadas explicam um pouco isso. Para a Fiel ter noção, foram mais de 30% dos passes trocados no campo de defesa. Os três maiores passadores do Timão no jogo foram defensores: Manoel, com 65 passes lidera o quesito. Henrique, com 50, e Fagner, com 45, completam o pódio.

Deficiência técnica

Na entrevista coletiva após a partida, Carille destacou a enorme quantidade de erros técnicos do Corinthians. E aqui não entram só passes errados: foram 35 na partida. O que chama atenção foram as perdas de posse da equipe: jogadores alvinegros perderam a bola 46 vezes. Clayson (11), Vital (10) e Love (9) lideram o número.

Chances? Desconheço!

Com apenas 17% da posse total em seu campo de ataque, o Corinthians quase não criou durante os 90 minutos em Itaquera. Ao todo, foram dez tentativas, com apenas cinco delas tendo a direção do gol - e duas levando real perigo ao gol de Paulo Victor.

Aproveitamento mínimo

Se pelo chão a bola não estava entrando, coube ao Timão tentar alguns cruzamentos na área. O grande problema da questão foi o baixíssimo aproveitamento no quesito: de 15 tentativas, os alvinegros acharam um companheiro em apenas quatro.

Veja mais em: Campeonato Brasileiro.

Veja Mais:

  • Clayson fez um bom jogo contra o São Paulo, pela final do Paulistão 2019

    CBF descarta alterações e clássico entre Corinthians e São Paulo será realizado no domingo

    ver detalhes
  • Romero já não treina mais no Corinthians desde a última segunda-feira

    Romero já não treina mais no Corinthians e pode voltar só para se despedir em julho

    ver detalhes
  • Sergio Diaz não deve fechar a semana como jogador do Corinthians

    Corinthians encaminha rescisão contratual de Sergio Díaz; ex-clube pode ser o destino

    ver detalhes
  • Clayson treinou normalmente com o grupo nesta terça-feira e pode reforçar o Corinthians

    Com retorno de Clayson, Corinthians faz segundo treino para decisão na Sul-Americana

    ver detalhes

Comente a notícia: