Carille justifica mudanças na equipe e admite incômodo com estilo de jogo do Corinthians

Carille justifica mudanças na equipe e admite incômodo com estilo de jogo do Corinthians

Por Vitor Chicarolli e Rodrigo Vessoni, na Arena Corinthians

4.2 mil visualizações 90 comentários Comunicar erro

Carille tentou montar time mais ofensivo nesta quarta, mas não teve êxito

Carille tentou montar time mais ofensivo nesta quarta, mas não teve êxito

Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

Mesmo com alterações ofensivas no time titular, o Corinthians seguiu com as mesmas dificuldades de mandar a bola para as redes na noite desta quarta-feira. Pelo primeiro jogo das oitavas de final da Copa do Brasil, o Timão saiu em desvantagem e foi derrotado para o Flamengo, por 1 a 0, na Arena, em Itaquera.

Em entrevista coletiva concedida após o revés, Fábio Carille admitiu que o desempenho da equipe do Corinthians não agrada. Para o treinador, as dificuldades vão permanecer no time enquanto a pausa para a Copa América não acontecer.

"Na verdade, nenhuma forma está me agradando ofensivamente para jogar. Eu quero melhorar. A gente estava bem posicionado. A gente estava com a linha de quatro bem montada. A forma de jogar, independente de qual é, não está me agradando. A busca é melhorar sempre", disse.

O Corinthians iniciou a partida com Sornoza atuando como segundo volante e Vital exercendo a função de meia centralizado. Vagner Love, por sua vez, iniciou entre os titulares e Ramiro foi para o banco de reservas.

"Mudamos para tentar melhorar. Sou questionado o tempo todo por que o time não vai bem. Temos a autoanalise do time, sabemos que tem que melhorar e essa está sendo a busca. Eu já falei. Enquanto não chegar a parada, para organizar e ter todos a disposição para trabalhar, vamos continuar encontrando dificuldades", acrescentou.

Leia também:
Carille admite dificuldade, mas vê confronto em aberto por vaga nas quartas da Copa do Brasil
Fagner garante Corinthians de 'cabeça erguida' após derrota e fala em resultado normal na Arena
Torcida do Corinthians faz duras críticas a Carille; veja repercussão da derrota para o Flamengo

Buscando melhorar a parte defensiva, Carille promoveu a entrada de Pedrinho e Jadson, e gostou da resposta da equipe. O comandante, porém, garante que o ataque precisa melhorar. Já nos minutos finais, Junior Urso, titular absoluto antes de sua lesão na coxa direita, entrou em campo.

"É nossa busca, melhorar a parte ofensiva. Tento recuperar jogadores. Gostei do Jadson, tentou fazer o time jogar. A volta de Urso é chegar a frente. A nossa busca, o que trabalhamos para melhorar é o ataque", concluiu.

Corinthians e Flamengo voltam a se enfrentar no dia 4 de junho, no Maracanã, no Rio de Janeiro, pelo jogo de volta das oitavas de final da Copa do Brasil. Para avançar de fase, a equipe de Fábio Carille terá que vencer por dois gols de diferença. Uma vitória simples alvinegra leva a disputa para as penalidades.

Veja mais em: Fábio Carille, Copa do Brasil e Elenco do Corinthians.

Veja Mais:

  • Everaldo voltou a treinar com seus novos companheiros no CT Joaquim Grava

    Everaldo e ex-lesionado em campo e um técnico 'trainee' de olho... Corinthians se reapresenta no CT

    ver detalhes
  • Everaldo foi apresentado e falou com a imprensa pela primeira vez no CT do Corinthians

    Everaldo se apresenta à Fiel e se encanta com estrutura do Corinthians: 'Já dormi no chão'

    ver detalhes
  • Arena Corinthians passará por apagão em ação de marketing neste domingo

    Arena Corinthians sofrerá 'apagão' no Majestoso deste domingo; entenda

    ver detalhes
  • Alexandre Pato contra o Grêmio na noite da cavadinha que quase acabou em agressão

    Rival no domingo, Pato quase apanhou no vestiário do Corinthians; dois do atual elenco estavam lá

    ver detalhes

Comente a notícia: