Sem revelar time contra o Lara, Carille volta a falar em evolução do Timão apenas após Copa América

Sem revelar time contra o Lara, Carille volta a falar em evolução do Timão apenas após Copa América

Por Vitor Chicarolli e Rodrigo Vessoni, na Arena Corinthians

3.1 mil visualizações 42 comentários Comunicar erro

Fábio Carille começará a pensar no Deportivo Lara apenas nesta segunda-feira

Fábio Carille começará a pensar no Deportivo Lara apenas nesta segunda-feira

Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

Sem muito tempo para comemorar a vitória sobre o São Paulo, na noite deste domingo, na Arena, em Itaquera, pela sexta rodada do Brasileirão, o Corinthians já passa a planejar a longa viagem à Venezuela que terá pela frente. Na próxima quinta-feira, o alvinegro entra em campo contra o Deportivo Lara, pela jogo de volta da Copa Sul-Americana.

O Timão embarca no início da madrugada de terça-feira e retorna ao Brasil apenas na sexta-feira. Em entrevista concedida após o triunfo no clássico, Fábio Carille admitiu que passará a pensar no Lara a partir de segunda-feira e ainda não definiu o time que vai a campo na quinta.

"O jogo da Venezuela eu começo a pensar amanhã. Sei que eu tenho tempo (quinta e depois terça-feira) na questão da recuperação. Estamos levando a sério e vou pensar a partir de amanhã. Vou falar com os jogadores, é uma viagem chata, para começar a decidir o time na terça-feira", disse.

Leia também:
Com nova vitória, Corinthians mantém invencibilidade contra o São Paulo na Arena
Guilherme Arana acompanha Majestoso na Arena e visita vestiário do Corinthians
Pedrinho volta a balançar as redes e se isola como artilheiro do Corinthians no Brasileirão

Com os três pontos conquistados neste domingo, o Corinthians subiu para a terceira posição e entrou pela primeira vez no G4 do Brasileirão nesta temporada. São três vitórias, dois empates e uma derrota em seis rodadas. O treinador, porém, crê que seu time só terá uma evolução maior após a parada para a Copa América.

"Não só eu como o grupo todo sabemos que podemos jogar mais. Estamos lá em cima na tabela e sabendo que pode ser mais. A ideia é que depois da parada tudo pode ser muito melhor. Matheus Jesus que tem treinado bem vai entender melhor, Everaldo chegando. Eu acredito muito na parada para o Corinthians, é um grupo novo", expôs.

"Desde a minha saída chegaram 25 jogadores com o Everaldo agora, é um número muito alto para um esporte coletivo. Onde 11 pensam e 30 precisam pensar do mesmo jeito. Estou muito feliz com o rendimento desses últimos dois jogos e acreditando que depois da Copa América a gente pode dar um rendimento muito melhor", acrescentou.

Por fim, Carille admitiu que pretende trabalhar seu plantel para incomodar mais o sistema defensivo adversário. Nos últimos três jogos, o Timão balançou as redes cinco vezes - números que ainda não são suficientes para o treinador.

"Eu quero incomodar mais o goleiro adversário. Fazer ele trabalhar mais, chutar mais, ser mais decisivo, terminar melhor no terço final. Hoje tivemos contra-ataques que poderíamos terminar melhor e essa está sendo a minha busca. Também sei que muitos jogadores podem pensar sem olhar, mas isso requer muito trabalho", concluiu.

Veja mais em: Campeonato Brasileiro, Copa Sul-Americana e Fábio Carille.

Veja Mais:

  • Camisas com patrocinadores em preto e branco já estão à venda

    Com opção acima de R$ 500, Corinthians já vende camisas com patrocínios em preto e branco

    ver detalhes
  • Contra o Vasco, mês passado, Richard foi titular do Corinthians

    Vasco insiste, e Corinthians deve negociar Richard de volta ao Rio de Janeiro

    ver detalhes
  • Ídolo Zenon será um dos 'sêniors' em campo no amistoso em Caruaru-PE

    Amistoso do Corinthians terá ídolos de até 65 anos de idade em campo em Caruaru-PE

    ver detalhes
  • Walmir Cruz (à dir.) explicou planejamento do Corinthians a respeito de Cássio e Fagner

    Saiba o planejamento de intertemporada do Corinthians para quarteto da Seleção Brasileira

    ver detalhes

Comente a notícia: