Carille desconhece proposta do mundo árabe e se diz focado no Corinthians

22 mil visualizações 267 comentários Comunicar erro

Por Meu Timão

Carille recebeu sondagem do Al-Hilal, um dos principais clubes do Oriente Médio

Carille recebeu sondagem do Al-Hilal, um dos principais clubes do Oriente Médio

Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

Cerca de seis meses depois de retornar do mundo árabe, Fábio Carille pode estar novamente de saída do Corinthians. Isso porque o Al Hilal, também da Arábia Saudita, tem o corinthiano como preferido para o cargo de treinador.

Questionado sobre a situação nesta sexta-feira, Carille afirmou que está focado no Timão e também garantiu que enquanto não houver proposta oficial, não pensará numa possível saída. Ele ainda disse que pretende se reunir com seu empresário para obter mais detalhes da sondagem.

“Eu vi as informações, o noticiário saindo ontem, quando peguei o celular um monte de mensagem falando sobre isso. Por enquanto é isso que saiu na imprensa que eu estou sabendo. Meu empresário chegou da China esses dias, vou me encontrar com ele hoje e aí sim eu posso saber de alguma coisa diferente”, disse.

Na verdade eu não pensei em nada sobre isso, estou muito focado aqui, discutindo com a diretoria do Corinthians sobre possíveis saídas ou reposições já nessa janela que a gente corre o risco de perder jogadores. A gente está tentando reforçar, mas em cima desses reforços a gente pode ainda perder jogadores. Então não pensei em nada ainda e como o meu empresário não me adiantou nada ainda, é algo que se acontecer, vai acontecer lá na frente”, acrescentou.

Leia também:
Primeiro semestre do Corinthians: quem foram os capitães de Fábio Carille nos 39 jogos
Destaque do Corinthians, Fuller recebe Troféu Oscar Schimdt em premiação do NBB
Calendário de tour na Arena Corinthians sofre alterações por Copa América; saiba como fica

Carille ainda negou que sua saída poderia estar diretamente ligada com a situação financeira do clube do Parque São Jorge.

"Não, de jeito nenhum. A partir do momento que eu aceitei voltar eu sei da situação do Corinthians, da situação financeira do Corinthians, sei que eles não estão conseguindo hoje fazer o que nós chamamos de loucura, sei que eles estão com os pés no chão esperando oportunidades aparecerem no mercado. Então não seria isso que faria eu tomar uma decisão dessas”, concluiu.

Atualmente, todo elenco alvinegro está de folga por conta da pausa para a Copa América e retorna apenas no dia 24 de junho. O Timão, cabe lembrar, volta a campo no dia 14 de julho, contra o CSA, pelo Brasileirão. Antes disso, a equipe faz dois amistosos, contra o Botafogo-SP, no dia 29 de junho, e contra o Vila Nova-GO, no dia 4 de julho - ambos longe da capital paulista.

Veja mais em: Fábio Carille e Mercado da bola.

Veja Mais:

  • Duílio voltou a bancar a permanência de Carille no Corinthians

    Carille tem multa regressiva e segue bancado no Corinthians mesmo em má fase

    ver detalhes
  • Crivelari marcou o primeiro gol do Timão no jogo

    Corinthians supera desfalques, vence chilenas e garante vaga na semifinal da Libertadores Feminina

    ver detalhes
  • Sorteio de grupos do Paulistão 2020 aconteceu nessa terça-feira

    FPF sorteia, e Corinthians conhece seu grupo e adversários do Paulistão 2020; veja como ficaram

    ver detalhes
  • Manoel vive a expectativa de permanecer no Corinthians para 2020

    Davó e Manoel: diretor atualiza situação de chegadas e saídas no Corinthians

    ver detalhes
  • Dirigente acredita na classificação do Corinthians para a Libertadores

    Diretor confia em ida do Corinthians à Libertadores, mas não condiciona chegada de reforços à vaga

    ver detalhes
  • Corinthians de Fábio Carille pode voltar à Libertadores em 2020

    Veja pontuação histórica que Corinthians precisa para ir à Libertadores-2020

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia: