Corinthians perde ação na justiça por final da Libertadores e é cobrado por parcela de jogador

78 mil visualizações 98 comentários

Por Meu Timão

O empresário de Léo Jabá cobra o Corinthians por parte do valor da venda do jogador

O empresário de Léo Jabá cobra o Corinthians por parte do valor da venda do jogador

Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

Constantemente envolvido em problemas judiciais por conta do seu tamanho, o Corinthians é atualmente cobrado por dois processos na justiça. Em um deles, o clube precisa pagar parte da transferência de Léo Jabá para uma empresa, que alega nunca ter recebido o valor, enquanto no outro, sofreu uma derrota por uma multa recebida do Procon, por conta da final da Libertadores de 2012.

De acordo com o Uol, a agência Unique Football, que pertence ao empresário Nick Arcuri, cobra um valor total de R$ 364 mil do Corinthians em processo que corre na 3ª Vara Cível do Tribunal de Justiça de São Paulo. Este é o valor por 5% da transferência de Léo Jabá para o futebol russo, parcela que pertencia à empresa e que, segundo ela, nunca foi pago.

Leia também:
Responsável pelo marketing fala da polêmica campanha Corinthianismo: 'Cumpriu a função'
Corinthians divulga balanço dos primeiros resultados da parceria com a IBM

Ainda engatinhando na justiça, o Corinthians tem até o dia 9 de julho para apresentar a sua contestação. O pagamento deveria ter sido realizado ainda na gestão de Roberto de Andrade, mas o problema permaneceu até os dias atuais.

Por outro lado, o Procon cobra o Corinthians por conta da promoção da venda casada de ingresso, com passagem e hospedagem a Buenos Aires durante a final da Copa Libertadores de 2012, jogo que completa exatos sete anos nesta quinta-feira. Sendo a única opção para comprar um ingresso para a partida, o clube é cobrado em uma multa de R$ 114.687,26.

Um dos casos que também veio à tona nos últimos meses foi o da penhora da Taça do Mundial, por conta de um pagamento cobrado pelo Instituto Santanense. De acordo com o diretor financeiro do clube, no entanto, este problema já está resolvido, além de afirmar que a dívida total do clube gera atualmente em torno de R$ 475 milhões.

Veja mais em: Diretoria do Corinthians.

Veja Mais:

  • Corinthians foi condenado pela Justiça do Trabalho a indenizar o meia Guilherme que, entre janeiro de 2016 e dezembro de 2019, ficou sob contrato com o clube.

    Corinthians é condenado pela Justiça do Trabalho a indenizar o meia Guilherme; valor é milionário

    ver detalhes
  • Corinthians teve mais uma tarde de treino de olho no jogo contra a Chapecoense

    Corinthians trabalha posse de bola e marcação pressão em mais um treino de olho na Chapecoense

    ver detalhes
  • O Corinthians estreia no NBB nesta quinta-feira, contra o Pato Basquete, às 19h30, fora de casa

    Guia Meu Timão: tudo sobre a busca do Corinthians por um título inédito no NBB

    ver detalhes
  • Neo Quimica Arena receberá 100% do público pela primeira desde o início da pandemia, há cerca de 19 meses

    Torcedores do Corinthians reclamam de nova pontuação do Fiel Torcedor; veja explicação do clube

    ver detalhes
  • Cris Gambaré, diretora de futebol feminino do Corinthians, e Arthur Elias, técnico da equipe, deram entrevista coletiva nesta quarta-feira

    Arthur Elias comenta situação de corinthianas na Seleção e projeta semifinal contra a Ferroviária

    ver detalhes
  • Presidente do Fortaleza negou interesse do Corinthians por técnico Vojvoda

    Presidente do Fortaleza nega interesse do Corinthians em Vojvoda

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia:

x