Sornoza releva ausência na Copa América e se cobra para ser mais ofensivo no Corinthians

3.7 mil visualizações 52 comentários

Por Rodrigo Vessoni e Rafael Bianco

Sornoza revelou um pedido e se cobra para ser mais ofensivo

Sornoza revelou um pedido e se cobra para ser mais ofensivo

Rodrigo Gazzanel/Ag. Corinthians

O meia equatoriano Sornoza chegou ao Corinthians no início da temporada e rapidamente assumiu a titularidade da equipe, aproveitando uma certa ausência de Jadson. Ainda buscando evoluir e se entrosar mais dentro do time, ele revelou um pedido de Fábio Carille para que busque ser mais ofensivo e disse que também se cobra por isso.

"Procuro melhorar, Fábio está me cobrando chegar mais na área, chutar mais de fora, tentei chutar. Espero que a gente consiga fazer gol. Estamos trabalhando para fazer o que o professor quer, cada jogador com sua função, estamos trabalhando para melhorar, chutar mais de fora, buscar jogadas e tabelas" disse Sornoza em entrevista coletiva nesta quarta-feira.

Leia também:
Meia do Corinthians não esconde surpresa com a presença de Carille na zaga
Levantamento destrincha situação financeira do Corinthians em 2018; veja principais pontos

Com bastante dificuldade na criação, o meia também não aproveitava as chances que recebia no campo de ataque. Até agora, com a camisa alvinegra, Sornoza participou de 31 partidas e marcou apenas um gol, na vitória do Corinthians sobre o Deportivo Lara na Copa Sul-Americana.

"Estou me cobrando para isso, em alguns jogos tive chance de chutar e não chutava. Agora minha mentalidade é diferente.,. Vou me cobrar para chutar mais, entrar na área e confiar para a bola entrar", completou o meia.

O desempenho no início do ano fez com que ele perdesse a vaga na Seleção do Equador para a disputa da Copa América. Mesmo bastante ativo no Corinthians, o técnico acredita que ele não se encaixava na atual lista de 23 jogadores. Por isso, Sornoza quer manter o foco no clube e acha que a vaga vem naturalmente.

"Dou Graças a Deus por estar aqui, independente do que acontece no Equador, vou trabalhar para melhorar e buscar espaço. Falei com o Cazares, que não esteve, disse que ninguém falou com ele. Continuar trabalhando para ter oportunidade de jogar e poder voltar à seleção", finalizou.

Veja mais em: Sornoza.

Veja Mais:

  • Vagner Mancini mira estreia do Corinthians na Copa do Brasil

    Mancini 'alerta' elenco do Corinthians sobre Copa do Brasil e relembra sucesso pessoal no torneio

    ver detalhes
  • Lucas Piton volta a trabalhar sem restrições no CT Joaquim Grava

    Com Lucas Piton, Corinthians faz treino tático de olho na Copa do Brasil; veja provável escalação

    ver detalhes
  • Mancini conquistou duas vitórias importantes em três jogos pelo Corinthians

    Corinthians vê risco de queda no Brasileiro cair em 17% após chegada de Mancini; veja probabilidades

    ver detalhes
  • Guilherme chegou ao América-MG em agosto e, até agora, disputou sete jogos; foram quatro anos de vínculo com o Corinthians

    Corinthians reencontra meia do América-MG que custou R$ 30 milhões em quatro anos de contrato

    ver detalhes
  • Mandatário fez promessa de bomba e a Fiel não esqueceu

    Torcida do Corinthians cobra bombas prometidas por Andrés para o mês de outubro; veja tuítes

    ver detalhes
  • Junior Sornoza deve retornar ao Corinthians no fim deste ano

    Sornoza tem casa assaltada no Equador; meia deve retornar ao Corinthians em janeiro

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia: