Boselli, Everaldo e Pedrinho: Fábio Carille analisa trio ofensivo do Corinthians após triunfo

19 mil visualizações 153 comentários Comunicar erro

Por Meu Timão

Boselli e Pedrinho foram fundamentais na vitória do Corinthians na capital cearense

Boselli e Pedrinho foram fundamentais na vitória do Corinthians na capital cearense

Rodrigo Gazzanel/Ag. Corinthians

Alguns jogadores se destacaram durante a vitória do Corinthians sobre o Fortaleza neste domingo, no Castelão, pela 12ª rodada do Campeonato Brasileiro. Quem mais chamou atenção, no entanto, foi o trio ofensivo da equipe de Fábio Carille.

Em entrevista concedida após o apito final, o treinador comentou o desempenho de seus atletas e destacou a atuação individual de três nomes em especial: Boselli, Everaldo e Pedrinho - confira abaixo.

Leia também:
Carille deixa Dérbi de lado e garante que Corinthians 'não desistiu' do Campeonato Brasileiro
Pedrinho 'protagonista', ótimo segundo tempo e elogios para Carille: Fiel repercute vitória do Timão
Pedrinho comenta melhora pessoal com a entrada de Fagner e agradece apoio da torcida do Corinthians

Pedrinho, certamente, foi o principal atleta do Timão na partida. O meia-atacante ditou o ritmo de jogo do time e teve participação decisiva no gol de empate, além de marcar o segundo tento corinthiano.

Já o argentino Mauro Boselli anotou seu quarto gol com a camisa alvinegra e teve boa movimentação durante os 90 minutos. Por fim, Everaldo, depois de um primeiro tempo apagado, cresceu de produção na etapa final e proporcionou uma mobilidade maior ao Corinthians.

Confira analise do treinador sobre o trio ofensivo do Timão

Everaldo

"Everaldo foi acima do esperado. Muito tempo sem jogar, com dor no púbis que incomodou bastante, foi a minha maior tristeza na preparação de não poder testar ele com Clayson".

Mauro Boselli

"Boselli é diferente de Love e de Gustavo, eles brigam mais e o argentino é mais técnico, fica na área, mas a bola precisa chegar para ele. A partir do momento que o nosso time não estava criando não era um jogo para ele, porque ele não é de briga. Agora sim a bola está chegando na frente, e com isso qualquer nove que jogar vai ter mais oportunidades".

Pedrinho

"Pedrinho está comigo há dois anos e meio, sei da qualidade, do potencial, faz coisas diferentes e precisa assumir. Muitas vezes ele faz uma jogada e some do jogo, mas a bola precisa passar pelo pé dele, porque ele tem qualidade para fazer o time andar porque é diferente".

Veja mais em: Fábio Carille, Mauro Boselli, Everaldo e Pedrinho.

Veja Mais:

  • Marllon deve formar dupla com Bruno Méndez no embate com o Cruzeiro no sábado

    Corinthians se reapresenta, e Carille prepara zaga reserva para jogo contra o Cruzeiro

    ver detalhes
  • Corinthians não conseguiu forçar terceiro jogo final no torneio estadual

    Corinthians perde força nos dois últimos quartos e fica com o vice do Paulista de Basquete

    ver detalhes
  • Jogador tem passagens pela Seleção Brasileira

    Zagueiro com passagem pela Seleção Brasileira diz que sonha em jogar no Corinthians

    ver detalhes
  • Torcedor foi agredido em frente à sub-sede da Torcida Jovem por passar pelo local com camisa do Corinthians

    Torcedor do Corinthians é agredido por integrantes de organizada do Santos

    ver detalhes
  • Vic Albuquerque durante comemoração do primeiro gol da vitória corinthiana

    Corinthians supera colombianas na Libertadores Feminina e encaminha vaga para próxima fase

    ver detalhes
  • Momento em que Dudu, do Goiás, toca na bola com o braço

    'Zerado' no primeiro semestre, Corinthians chega ao quarto pênalti em 2019; veja curiosidades

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia: