Laterais do Corinthians enaltecem vitória e destacam evolução no segundo tempo contra o Fortaleza

1.6 mil visualizações 25 comentários Comunicar erro

Por Meu Timão

Danilo Avelar anotou o terceiro e último gol da equipe do Corinthians neste domingo

Danilo Avelar anotou o terceiro e último gol da equipe do Corinthians neste domingo

Rodrigo Gazzanel/Ag. Corinthians

Depois de sair em desvantagem no placar e um desempenho bem abaixo do esperado no primeiro tempo, o Corinthians voltou do intervalo melhor e conseguiu virar sobre o Fortaleza, para 3 a 1, no Castelão, pela 12ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Em entrevista concedida após o apito final, o lateral-esquerdo Danilo Avelar, que marcou o terceiro e último gol do jogo, ressaltou a mudança de postura da equipe alvinegra da etapa final.

"Voltamos para o segundo tempo mais antenados, tentando não errar tanto e ser mais agressivos, mantendo o equilíbrio também, que era o principal, porque não é fácil jogar aqui. Mesmo atrás do placar mantemos o equilíbrio, suportamos a pressão, colocamos o nosso ritmo e no final fomos coroados com a vitória", resumiu.

Leia também:
Pedrinho é eleito craque de vitória do Corinthians no Castelão; Michel e Urso amargam pior média
Carille deixa Dérbi de lado e garante que Corinthians 'não desistiu' do Campeonato Brasileiro
Pedrinho 'protagonista', ótimo segundo tempo e elogios para Carille: Fiel repercute vitória do Timão

Fagner, por sua vez, estava pendurado e foi poupado dos 11 iniciais por Fábio Carille. O treinador, então, promoveu a entrada do camisa 23 ao longo do segundo tempo e viu seu time melhorar o rendimento de forma imediata.

Questionado sobre sua atuação após a partida, o lateral-direito celebrou e fez questão de enaltecer o potencial do plantel corinthiano.

"Acho que estar habituado a jogar com a mesma pessoa você acaba se conhecendo bem, sabendo a maneira que o atleta quer a bola. Fico feliz de ter entrado, poder ajudar, mas independente de nomes, é o grupo cada vez mais se fortalecendo, conseguindo vitórias importantes", disse.

"A gente sabe da dificuldade que é jogar aqui, com uma viagem longa e fizemos um grande segundo tempo principalmente. O primeiro começamos bem, demos um vacilo e o Fortaleza cresceu no jogo, fez o gol, mas ajustamos algumas coisas no intervalo e isso foi fundamental para que a gente fizesse os gols e pudesse ganhar", concluiu.

O Corinthians volta a campo na próxima quinta-feira, contra o Montevideo Wanderers, às 21h30, no Parque Central, em Montevidéu, pela volta das oitavas de final da Copa Sul-Americana. Pelo Brasileiro, o time do Parque São Jorge recebe o Palmeiras, no domingo, às 19h, na Arena, em Itaquera.

Veja mais em: Fagner, Danilo Avelar e Campeonato Brasileiro.

Veja Mais:

  • Ralf volta ao plantel do Timão para o jogo desta quarta-feira

    Com três retornos, Corinthians confirma lista de relacionados contra o Goiás; veja provável time

    ver detalhes
  • Corinthians não tomou conhecimento do adversário e garantiu mais um título estadual

    Corinthians goleia Magnus fora de casa e garante título do Campeonato Paulista de Futsal

    ver detalhes
  • Treinador português corre risco de demissão no Monaco

    Possível interesse do Corinthians em técnico do Monaco repercute na Europa

    ver detalhes
  • Arena compete com outros sete estádios pela honraria de sediar a final continental

    Conmebol confirma Arena Corinthians como candidata para sediar final da Libertadores de 2020

    ver detalhes
  • Timão perdeu a primeira pelo NBB

    Corinthians perde para São Paulo em noite de atuação apática na estreia do NBB

    ver detalhes
  • Casagrande rebateu as entrevistas concedidas pelo treinador

    Casagrande culpa Carille por deficiências do elenco citadas pelo técnico: 'Má escolha dele'

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia: