Diretor do Corinthians garante que acordo com Odebrecht sobre Arena está 'praticamente certo'

48 mil visualizações 97 comentários

Por Meu Timão

Diretor garante que acerto com Odebrecht está 'praticamente certo'

Diretor garante que acerto com Odebrecht está 'praticamente certo'

Danilo Augusto/ Meu Timão

A novela entre Corinthians e Odebrecht em busca de um acerto sobre o valor total da dívida da Arena pode ganhar um novo capítulo nos próximos dias. Um dia depois da convocação de uma reunião do Conselho Deliberativo a ser realizada no Parque São Jorge, com o estádio alvinegro em pauta, indícios de um possível acordo entre clube e construtora vieram a público.

De acordo com Caio Campos, diretor de marketing do Timão, o presidente Andrés Sanchez conversa diretamente com representantes da Odebrecht e o acerto da "Arena como um todo" está próximo de ser concluído.

Está praticamente certo. Quem está tocando a negociação com a Odebrecht é o Andrés (Sanchez, presidente do clube). Ele está conversando diretamente com a construtora e está próximo de um acordo da arena como um todo”, disse em entrevista ao Estadão.

Leia também:
Corinthians pode chegar a 20 titulares diferentes em cinco jogos pós-Copa América; veja lista
Ángelo Araos fica sem contrato com o Corinthians; clube explica situação
Possível transferência de Malcom para a Rússia pode render boa grana ao Corinthians; veja detalhes

A diretoria do Corinthians está ciente de que há uma diferença entre o valor combinado inicialmente e o que falta pagar. O clube, no entanto, alega que algumas obras ainda não foram concluídas.

A Odebrecht, por sua vez, diz que o Timão alterou o projeto desde a inauguração e que o valor investido para determinadas obras acabou sendo utilizado em outras demandas.

"A gente tem nosso ponto de vista e eles tem o deles. O ponto de vista do Corinthians não é igual ao da Odebrecht. Tem de haver consenso e é isso que a gente está buscando juntos”, concluiu.

Cerca de 75% da renda de bilheteria são destinados para pagar a dívida do estádio. As demais fontes de receitas estão ligadas a venda de camarotes, aluguel de lanchonetes, Tour Casa do Povo e até mesmo de uma academia recém-inaugurada.

Além da bilheteria, o Corinthians não costuma divulgar números financeiros. Os dirigentes, no entanto, seguem em busca de encontrar novas parcerias que ajudem a zerar essa dívida da Arena.

A expectativa de conselheiros e associados do clube, cabe ressaltar, é que um possível acordo final com a Odebrecht com base nos CIDs, emitidos pela Prefeitura de São Paulo na época da construção da Arena Corinthians, seja confirmado em breve.

Veja mais em: Arena Corinthians e Diretoria do Corinthians.

Veja Mais:

  • Otero durante treino deste sábado no CT Joaquim Grava

    Corinthians perde uma posição com fim da 23ª rodada, mas mantém distância do Z4; veja tabela

    ver detalhes
  • Elenco treinou na manhã desta segunda-feira

    Corinthians fez último treino antes de embarcar para Fortaleza; veja provável escalação

    ver detalhes
  • Cássio poderá enfrentar o Fortaleza nesta quarta

    Cássio recebe pena mínima e está liberado para reforçar o Corinthians contra o Fortaleza na quarta

    ver detalhes
  • Timãozinho goleou no encerramento da primeira fase no Paulista Sub-20

    Corinthians encerra primeira fase do Paulista Sub-20 com goleada diante do União Mogi

    ver detalhes
  • Corinthians decide Brasileirão Feminino nesta semana

    Agenda do Corinthians na semana tem duelo fora de casa, final no feminino e mais; veja

    ver detalhes
  • Kalil e Vilson devem deixar o futebol do Corinthians na nova gestão

    Trio deve deixar o comando de futebol do Corinthians na gestão de Duílio Monteiro Alves

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia: