Cássio põe Corinthians na briga por tríplice coroa, mas faz ressalva

12 mil visualizações 83 comentários

Por Meu Timão

Cássio junto com companheiros de defesa e técnico Fábio Carille no treino do Corinthians

Cássio junto com companheiros de defesa e técnico Fábio Carille no treino do Corinthians

Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

A Copa Sul-Americana afunila para o Corinthians a partir desta quinta-feira, quando a equipe dá o pontapé inicial em sua participação nas quartas de final, contra o Fluminense, na Arena. Paralelamente, o Timão se aproximou dos líderes do Brasileirão no último fim de semana como não se aproximava desde as primeiras rodadas do campeonato.

É possível, afinal, conciliar as brigas pelos dois títulos? No entendimento de Cássio, sim.

"A gente não pode... Sul-Americana é mata-mata, não podemos apostar só nela. É uma reta final, um campeonato que a gente não tem, eu nunca ganhei, mas é passo a passo nos dois campeonatos. Pés no chão, ir evoluindo", declarou o goleiro, nesta quarta-feira.

Leia também:
Na caça de título inédito, Corinthians vive melhor sequência da história na Sul-Americana
Fluminense anuncia novo técnico antes de jogo contra Corinthians, mas estreia não será quinta

Como venceu o Campeonato Paulista no primeiro semestre, o Corinthians conquistaria a chamada tríplice coroa (três títulos no mesmo ano) se triunfasse também na Copa Sul-Americana e no Campeonato Brasileiro.

"Depois da Copa América, a gente tinha mudado muitos jogadores, hoje eles dominam a parte tática, tem entrosamento bom entre todos, às vezes entram uns que não têm tanta oportunidade e mantém o nível. No início do ano a gente almejava brigar por todos, temos chance, mas é passo a passo", disse, fazendo nova ressalva à importância dos pés no chão.

Na Sul-Americana, o Corinthians enfrenta nas duas próximas quintas-feiras o Fluminense. O embate decisivo, semana que vem, acontece no Maracanã. Quem passar enfrenta o Independiente del Valle, do Equador, nas semifinais.

"Primeiro temos que ganhar. É um confronto muito difícil com o Fluminense. Almejo ganhar Sul-Americana, assim como Brasileiro, ano que vem brigar por Copa do Brasil que não ganhei ainda. Mas não é falando, é trabalhando", afirmou Cássio.

Pelo Brasileirão, o Corinthians tirou de nove para cinco pontos a diferença para o líder Santos nas duas últimas rodadas. Quinto colado, o Timão mede forças com o lanterna Avaí na próxima rodada, domingo, às 19h, na Ressacada.

"Campeonato Brasileiro é muito disputado. No Corinthians a gente pensa jogo a jogo. Joga contra o último colocado. O CSA vem na zona do rebaixamento, tem evoluído com Argel (Fucks, técnico), e algumas equipes que estão lá na frente não ganharam deles. É a competitividade do campeonato. Por isso tem que pensar jogo a jogo", destacou.

"E a gente se preocupa com o nosso resultado. Não adianta falar que está a DEZ pontos do líder. Temos que pensar em fazer o melhor a cada partida. É seguir essa pegada de vitórias, pontuar para não deixar o pessoal da frente distanciar", finalizou.

Veja mais em: Copa Sul-Americana, Campeonato Brasileiro, Cássio e Títulos do Corinthians.

Veja Mais:

  • Dyego Coelho comandou treino tático neste domingo no CT Joaquim Grava

    Corinthians faz treino tático e segue preparação para enfrentar o Sport; veja possível escalação

    ver detalhes
  • Corinthians somou três pontos na rodada, contra o Bahia

    Rodada chega ao fim e Corinthians perde posições na segunda parte da tabela; veja classificação

    ver detalhes
  • Victor Cantillo não consegue engatar boa sequência pelo Corinthians

    Corinthians faz mais gols e vê aproveitamento melhorar sem Cantillo

    ver detalhes
  • Nathan ficará no futebol europeu por uma temporada. Depois, retorna para o Parque São Jorge.

    Corinthiano Nathan é anunciado como reforço do Racing Ferrol, clube da terceira divisão da Espanha

    ver detalhes
  • Torcida do Corinthians não assiste à uma partida em Itaquera desde fevereiro

    Maioria da torcida apoia decisão do Corinthians em não jogar o Brasileirão; veja enquete

    ver detalhes
  • Andrés Sanchez se diz satisfeito, mas assume mandado último mandato decepcionante no Corinthians

    Andrés Sanchez admite mandato decepcionante no Corinthians e fala em licença antes da eleição

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia: