Corinthians estaria a dois pontos do Flamengo se não fossem gols tomados após os 40 do 2º tempo

Corinthians estaria a dois pontos do Flamengo se não fossem gols tomados após os 40 do 2º tempo

Por Lucas Faraldo e Rodrigo Vessoni

6.0 mil visualizações 82 comentários Comunicar erro

Corinthians sucumbiu diante do Ceará e cedeu empate na Arena nos minutos finais

Corinthians sucumbiu diante do Ceará e cedeu empate na Arena nos minutos finais

Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

Custam muito caro ao Corinthians os gols tomados naquele período dos jogos conhecido como 'apagar das luzes'. Foi assim contra o Ceará, no empate do último sábado, em 2 a 2, na Arena, pela penúltima rodada do primeiro turno do Campeonato Brasileiro.

Não fossem os dois gols tomados após os 40 minutos do segundo tempo nas 18 rodadas disputadas até aqui, o Corinthians estaria a apenas dois pontos de distância do líder Flamengo na classificação do Brasileirão - e à frente do Palmeiras, na terceira posição.

Leia também: Corinthians perde uma posição, mas termina rodada no G4 do Campeonato Brasileiro; veja tabela

Custaram quatro pontos ao Corinthians esse tipo de gol tomado. Além do olímpico sofrido contra o Ceará, o Timão também foi surpreendido no fim do jogo justamente no empate diante do Flamengo, por 1 a 1, no último mês de julho, também em Itaquera.

Nesse caso diante dos cariocas, o saldo da lambança foi ainda mais negativo ao Corinthians, pois além de deixar de somar dois pontos, o Timão também "deu" um ao adversário direto.

Corinthians tomou gol do Flamengo aos 46 do segundo tempo

Corinthians tomou gol do Flamengo aos 46 do segundo tempo

Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

O cenário atual é de um Corinthians com 32 pontos - que poderiam ser 36 - a sete de distância do Flamengo de 39 pontos - que poderiam ser 38. Restam ainda, claro, 20 rodadas para o término da competição. Tempo de sobra pra redobrar a atenção nos minutos finais!

Gols a favor não resultaram em tantos pontos

Se leva gols no apagar das luzes, é bem verdade que o Corinthians também faz. Não tem sido comum no Brasileirão de 2019, porém, os tentos dos minutos finais fazerem lá muita diferença a favor do Timão. A exceção foi o anotado por Gustagol justamente na última vitória alvinegra.

Fizeram gols pelo Corinthians com mais de 40 minutos do segundo tempo:

  • Clayson, contra o Bahia, aos 49 minutos;
  • Pedrinho, contra o Athletico-PR, aos 42 minutos;
  • Boselli, contra o Goiás, aos 42 minutos;
  • Gustagol, contra o Atlético-MG, aos 44 minutos.

Quando Clayson marcou na Fonte Nova, o Corinthians perdia por 3 a 1 e, portanto, seguiu perdendo. Pedrinho e Boselli, por sua vez, anotaram os segundos tentos das vitórias por 2 a 0. Gustagol sim pode ser classificado como autor de um gol heroico: garantiu o triunfo de 1 a 0.

Gustagol comemorando seu gol na vitória contra o Atlético-MG

Gustagol comemorando seu gol na vitória contra o Atlético-MG

Danilo Fernandes/ Meu Timão

Veja mais em: Campeonato Brasileiro.

Veja Mais:

  • Corinthians voltou a vencer após duas derrotas seguidas

    Com gol 'na raça', Corinthians bate o Bahia e entra no G4 do Campeonato Brasileiro

    ver detalhes
  • Timão somou pontos importantes na tabela

    Corinthians dorme no G4 após vitória suada contra o Bahia; veja classificação

    ver detalhes
  • Pedrinho deu assistência decisiva para vitória do Timão

    Com assistência decisiva, Pedrinho é melhor em campo para a Fiel; novidade na escalação é o pior

    ver detalhes
  • Carille minimizou momento de cobrança no CT Joaquim Grava

    Carille brinca com protestos de organizada no CT do Corinthians: 'Estou com moral com eles'

    ver detalhes

Comente a notícia: