Corinthians x Cruzeiro

Pelo Campeonato Brasileiro, o Corinthians enfrenta agora o Cruzeiro

Acompanhe ao vivo

Corinthians empata com a Ferroviária na primeira final do Brasileirão; série histórica chega ao fim

25 mil visualizações 104 comentários Comunicar erro

Érika marcou o gol que evitou a derrota alvinegra fora de casa

Érika marcou o gol que evitou a derrota alvinegra fora de casa

Bruno Teixeira/Ag. Corinthians

Ferroviária 1 X 1 Corinthians

Brasileiro Feminino 2019
22 de setembro de 2019, 14:00
Ferroviária 1 x 1 Corinthians
Fonte Luminosa

Corinthians e Ferroviária começaram a decidir o título do Campeonato Brasileiro Feminino neste domingo. Em Araraquara, a equipe alvinegra saiu atrás do placar logo no primeiro minuto, mas se recuperou e acabou empatando por 1 a 1.

Com o resultado, qualquer vitória simples dá o título ao Timão na partida de volta, marcada para o próximo domingo, na Fazendinha. Mesmo não sendo ruim para o torneio, o empate põe fim na histórica sequência de 34 vitórias seguidas que a equipe de Arthur Elias acumulava na temporada.

Agenda - o Timão volta a campo nesta quarta-feira, para encarar a mesma Ferroviária. O confronto da vez, no entanto, é válido pela semifinal do Paulistão - na ida, vitória corinthiana por 4 a 0 na casa do adversário.

Escalação

Com a titular Juliete suspensa, o técnico Arthur Elias teve de mudar o sistema de sua equipe. Em um 3-4-3, então, o Corinthians começou o embate com Lelê; Pardal, Érika e Mimi; Katiuscia, Grazi, Gabi Zanotti e Tamires; Giovanna Crivelari, Milene e Vic Albuquerque.

Timão teve mudanças

Meu Timão

Primeiro tempo

Empurrado pela torcida, o time da casa foi para cima desde o início do embate. E rapidamente foi premiada por isso. Em boa troca de passes, a camisa 10 Aline Milene recebeu dentro da área, cortou a marcação e bateu firme para abrir o placar, logo no primeiro minuto do confronto decisivo.

O Timão conseguiu equilibrar o jogo e criou uma chance de perigo aos oito. Pela esquerda, Milene cortou a marcação e achou Vic Albuquerque livre dentro da área. A finalização da camisa 17, no entanto, saiu sem direção.

Seis minutos depois, foi a vez de Milene arriscar finalização e parar em boa defesa da goleira Luciana. Na sequência, porém, um susto para a Fiel: a Ferroviária marcou o segundo em jogada de bola parada, mas o lance foi anulado por impedimento.

Depois do gol anulado, o Timão voltou a ficar mais com a bola, mantendo o equilíbrio no meio de campo da partida. Com a alta temperatura na Arena Fonte Luminosa, o árbitro fez a parada técnica para hidratação. No meio disso, porém, a goleira da Ferroviária acabou desmaiando por um pico de pressão. A parada, então, se estendeu para o atendimento.

A arqueira resolveu voltar para campo e o Corinthians voltou diferente. Marcando em cima, criou logo uma oportunidade com Milene, que bateu mal, mas teve espaço para arriscar. E o gol alvinegro não demorou sair.

Aos 49 minutos, o Timão fez jogada ensaiada em escanteio. A bola acabou no segundo pau e Pardal cabeceou para o meio da área, achando Érika livre para empatar o duelo em Araraquara.

E mesmo nos acréscimos, quase deu tempo para o Corinthians virar. Dentro da área, Gabi Zanotti achou Milene com bom passe. A centroavante foi travada e, na soba, a camisa 10 tentou dois chutes, mas foi travada, mantendo o empate por 1 a 1 para o intervalo.

Segundo tempo

A etapa final começou devagar. As duas equipes mantiveram a posse no setor de meio de campo, sem conseguir furar as defesas. Exemplo disso é que a primeira chance do Timão saiu em cobrança de falta de longe, aos sete minutos, com Vic Albuquerque parando na goleira.

Em busca de melhorias para virar o embate, Arthur Elias fez sua primeira troca ao colocar Paulinha no lugar de Katiuscia. Pouco após a substituição, o Timão chegou bem a frente e bateu duas vezes com perigo - uma travada e outra para fora.

Melhor no jogo, usando muito bem os lados de campo, o Corinthians voltou a chegar com perigo aos 23 minutos, com nova falta batida por Vic Albuquerque. Luciana, porém, encaixou sem grandes problemas.

Aos 30, depois de nova parada técnica, Tamires bateu com perigo e arrancou suspiros da torcida alvinegra. Na sequência, Grazi foi quem arriscou, também sem acertar o alvo. E aos 34, mais um "quase": Paulinha cruzou, a adversária desviou e quase marcou contra.

Do outro lado, a Ferroviária seguiu com dificuldades para criar e só conseguiu finalizar em chute fraco de muito longe de Rafa Mineira, que parou nas mãos de Lelê com tranquilidade. O jogo se manteve truncado, poucas chances foram criadas e o empate acabou sendo o resultado final.

Ficha técnica de Ferroviária 1 x 1 Corinthians

Competição: Campeonato Brasileiro Feminino
Local: Estádio Doutor Adhemar de Barros, Araraquara, SP
Data: 22 de setembro de 2019 (domingo)
Horário: 14h00 (de Brasília)
Árbitro: Katiucia da Mota Lima
Assistentes: Patrícia Carla de Oliveira e Marcela de Almeida Silva
Gols: Aline Milene (Ferroviária); Érika (Corinthians)
Cartões amarelos: Nathane e Kamilla (Ferroviária);

FERROVIÁRIA: Luciana; Gessica, Luana, Andreia e Barrinha; Rafa Mineira, Rafa Andrade e Aline Milene; Nenê (Maglia), Nathane e Kamilla (Thaicyanne).
Técnico: Tatiele Silveira

CORINTHIANS: Lelê; Katiuscia (Paulinha), Pardal, Mimi e Tamires; Grazi e Érika; Giovanna Crivelari (Ingryd), Gabi Zanotti e Victória Albuquerque; Millene.
Técnico: Arthur Elias

Veja mais em: Corinthians feminino.

Quem Atuou

Títulares

Reservas

Técnico

Árbitro

Comente a notícia: