Com gol de corinthiana, Seleção Feminina bate a Polônia em amistoso; três alvinegras foram titulares

2.1 mil visualizações 23 comentários Comunicar erro

Por Meu Timão

Tamires marcou um dos gols da vitória do Brasil

Tamires marcou um dos gols da vitória do Brasil

Divulgação/CBF

A tarde de terça-feira foi de amistoso para a Seleção Brasileira Feminina. Em Kielce, a equipe comandada pela sueca Pia Sundhage enfrentou a Polônia. Como fruto do bom trabalho do Corinthians, três atletas do clube foram titulares: Érika, Tamires e Vic Albuquerque - a goleira Lelê ficou no banco.

E o Timão foi bem representado. A lateral Tamires marcou um dos gols da vitória brasileira por 3 a 1 contra as europeias. Os outros tento foram marcados por Formiga e Debinha, enquanto Mesjasz diminuiu para as donas de casa.

A Seleção, cabe ressaltar, entrou em campo com Bárbara; Poliana, Érika, Daiane e Tamires; Thaisa, Formiga, Andressa Alves e Marta; Vic Albuquerque e Ludmilla.

O jogo

As comandadas de Pia Sundhage começaram bem o jogo. Tanto que, logo aos oito minutos, Formiga aproveitou cobrança de escanteio de Andressa Alves para abrir o placar. Apesar do gol, a primeira etapa não foi fácil para a equipe.

Depois do tento, a Polônia passou a ficar mais com a bola e incomodou bastante a defesa brasileira, sobretudo pelo lado direito. Apostando na velocidade, a seleção europeia exigiu boas defesas de Bárbara.

Do lado brasileiro, a corinthiana Vic Albuquerque criou boa chance aos 22 minutos, mas a arqueira adversária acabou defendendo de forma tranquila. Após isso, só deu Polônia, que parou muitas vezes em desarmes de Érika.

Para a segunda etapa, a Seleção voltou com três mudanças, incluindo a saída de Albuquerque. Outra alvinegra, porém, acabou sendo decisiva. Logo aos três minutos, Tamires apareceu no segundo pau para, de perna direita, completar cruzamento de Debinha para o fundo das redes.

O jogo parecia mais tranquilo para o Brasil, mas uma falta mal marcada pela arbitragem mudou o panorama da partida. Na área, Mesjasz aproveitou o cruzamento para cabecear e diminuir.

Depois disso, a Polônia até ameaçou pressionar, mas a equipe brasileira administrou a bola e se manteve no campo de ataque. E matou o jogo aos 35 minutos, com gol de Debinha, aproveitando boa jogada de Ludmilla.

As corinthianas em campo

Érika

Muito exigida, sobretudo na primeira etapa, teve atuação segura e se destacou pela liderança. No som ambiente do estádio, foi possível ouvi-la dando instruções para as companheiros durante todo o jogo. No Timão, cabe lembrar, costuma ser reserva e, por vezes, atua como volante.

Tamires

Autora de um dos gols, Tamires teve menos trabalho, já que a Polônia atacou mais pelo lado direito da defesa brasileira. Escalada como ponta na maioria das vezes por Arthur Elias, mostrou novamente a qualidade ofensiva ao aproveitar, mesmo com a perna ruim, sua principal chance na partida.

Vic Albuquerque

Mais enfiada entre as zagueiras do que costuma estar no Timão, a jovem atacante teve atuação discreta. Com muita posse de bola da Polônia durante os 45 minutos em que atuou, Victória pouco pegou na bola e cabeceou sem perigo a única oportunidade que teve.

Veja mais em: Corinthianos na Seleção e Corinthians feminino.

Veja Mais:

  • Volante ao lado do idoso atropelado e de sua família

    Ralf transfere vítima de acidente de hospital e faz visita nessa segunda-feira

    ver detalhes
  • Neto acusa elenco corinthiano de tentar derrubar Carilleneto

    Neto acusa elenco corinthiano de tentar derrubar Carille, detona jogadores e faz apelo ao técnico

    ver detalhes
  • Imagina como seria se você tivesse Fábio Carille como seu chefe no seu trabalho

    [Mayara Munhoz] Imagina como seria se você tivesse Fábio Carille como seu chefe no trabalho

    ver detalhes
  • Declarações de Carille não estão sendo bem recebidas pelo ambiente do Corinthians

    Declarações de Carille são vistas como 'desnecessárias' e incomodam ambiente no Corinthians

    ver detalhes
  • Ramiro foi disparado o corinthiano que mais falou e gesticulou no treino desta segunda

    Janderson e Régis goleadores, Ramiro líder: reservas treinam forte por reabilitação no Corinthians

    ver detalhes
  • Ralf foi único jogador entre aqueles hoje considerados titulares que treinou com bola nesta segunda

    Sem punição, Ralf volta ao Corinthians e deve ser opção para Carille quarta-feira

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia: